24/07/2024

Diante da falta de acordo com o Ministério da Fazenda, os servidores da Receita Federal iniciarão uma greve na próxima segunda-feira.

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Representantes do Sindicato dos Auditores-Fiscais da Receita Federal (Sindifisco Nacional) realizaram uma reunião com Haddad, contudo, não houve progresso nas negociações.

Após a reunião realizada na última terça-feira (14/11) com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, os representantes do Sindicato dos Auditores-Fiscais da Receita Federal (Sindifisco Nacional) confirmaram a manutenção da previsão de greve, que está programada para iniciar na próxima segunda-feira (20/11). De acordo com os representantes sindicais, não houve avanço em qualquer negociação com o governo federal.

No decorrer da última terça-feira, o Sindifisco Nacional promoveu um ato em frente ao Ministério da Fazenda para reivindicar o pagamento efetivo do bônus de desempenho. Durante o protesto, os manifestantes foram ouvidos pelo secretário-executivo da Fazenda, Dario Durigan, e pelo secretário especial da Receita Federal, Robinson Barreirinhas. Mais tarde, uma delegação do sindicato foi recebida na sede do ministério pelo próprio Haddad.

Isac Falcão, presidente do Sindifisco Nacional, declarou: “Não recebemos uma proposta do governo para analisar em assembleia. Portanto, seguimos com a intenção de iniciar a greve na próxima segunda-feira, dia 20”. Ele destacou ainda que o baixo orçamento destinado à Receita Federal contribui para a persistência do desmonte enfrentado nos últimos anos e ressaltou a importância de abordar o descumprimento do acordo que deu origem à Lei 13.464, uma situação que perdura há sete anos.

Quanto às implicações da paralisação, o presidente do Sindifisco afirmou que todos os setores da Receita Federal, como aduanas, Carf, imposto de renda, entre outros, serão afetados. Ele enfatizou que a greve é abrangente e que a população é profundamente afetada pelo desmonte que a instituição tem enfrentado nos últimos anos, sendo esse o motivo essencial da paralisação.

Os servidores da Receita expressam insatisfação em relação à proposta orçamentária enviada pelo Ministério do Planejamento ao Congresso Nacional, argumentando que ela pode perpetuar os graves problemas de desaparelhamento da administração tributária brasileira. Além da demanda específica relacionada ao bônus de desempenho, os auditores fiscais da Receita, assim como outros servidores públicos federais, solicitam o reajuste salarial anual. Vale ressaltar que o orçamento de 2024 não prevê a revisão geral da remuneração dos servidores.

Tribuna Livre, com informações da Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Prouni do 2º semestre: inscrições começam nesta terça
Prouni do 2º semestre: inscrições começaram nesta terça
BNDES lança concurso para analista; salário chega a R$ 20,9 mil
BNDES lança concurso para analista; salário chega a R$ 20,9 mil
Balão arrasta carro, ergue moto e atinge rede elétrica em São Paulo
Balão arrasta carro, ergue moto e atinge rede elétrica em São Paulo
SUS lidera combate ao tabagismo no país
SUS lidera combate ao tabagismo no país
Ministério da Agricultura descarta 3 novos casos da doença de Newcastle no RS
Ministério da Agricultura descarta 3 novos casos da doença de Newcastle no RS
Presos fazem rebelião e causam incêndio em penitenciária de Franco da Rocha (SP)
Presos fazem rebelião e causam incêndio em penitenciária de Franco da Rocha (SP)
Filha de deputado do MT é encontrada morta; suspeita é de feminicídio
Filha de deputado do MT é encontrada morta; suspeita é de feminicídio
Cidade de quilombo de Mãe Bernadete é a 5ª mais violenta do Brasil
Cidade de quilombo de Mãe Bernadete é a 5ª mais violenta do Brasil
Comitiva do governo federal vai até regiões de conflitos indígenas no MS
Comitiva do governo federal vai até regiões de conflitos indígenas no MS
STF se corrige e permite que Jair Bolsonaro e Ramagem mantenham contato
STF se corrige e permite que Jair Bolsonaro e Ramagem mantenham contato 
Homem de 56 anos mata a namorada de 15 anos no interior da Paraíba
Homem de 56 anos mata a namorada de 15 anos no interior da Paraíba
Busto de ex-prefeito é furtado de praça no Triângulo Mineiro
Busto de ex-prefeito é furtado de praça no Triângulo Mineiro

Hospital de Base fará teste com robôs na dispensação de medicamentos

Novas tecnologias transformarão a farmácia hospitalar, reduzindo desperdícios e garantindo segurança medicamentosa A superintendência do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) recebeu a apresentação de um novo sistema robotizado de entrega de medicamentos. A superintendente de Administração e Logística do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal

Leia mais...

Operação apreende R$ 770 mil em mercadorias irregulares

Ações da Receita do Distrito Federal foram realizadas no Setor de Indústrias Bernardo Sayão, na BR-060, na DF-001 e em transportadoras Uma equipe de auditores da Receita da Secretaria de Economia do Distrito Federal (Seec) apreendeu aproximadamente R$ 770 mil em mercadorias. As ações aconteceram entre sábado (20) e segunda-feira

Leia mais...

Por que Obama ainda não endossou Kamala Harris

Ausência de apoio do ex-presidente foi notada, mas especialista afirma que Obama tem um perfil mais cauteloso e deve se pronunciar quando a cancidatura de Kamala for formalizada. Entre os vários nomes importantes do Partido Democrata que desde domingo (21/7) têm manifestado publicamente apoio à vice-presidente americana, Kamala Harris, para

Leia mais...

Fraudes e descuido ainda são desafio na gestão da merenda escolar

A alimentação estudantil na rede ensino é essencialmente um problema de gestão, agravado pela desigualdade social. Enquanto o governo Lula aumentou a verba para escolas, CGU identificou 1.652 irregularidades em gestões anteriores A gestão da merenda escolar nas escolas públicas passa por diversos problemas, como desvio de recursos, controle ineficiente

Leia mais...

Região norte, Cruzeiro e Plano Piloto ganham 40 novos ônibus

Coletivos zero-quilômetro renovam e aumentam a frota do DF Quarenta ônibus zero-quilômetro serão entregues para a população nesta terça-feira (23) e vão operar nas linhas do Plano Piloto, do Cruzeiro, do Lago Norte, do Varjão, de Sobradinho e de Planaltina. Os coletivos serão expostos em frente ao Palácio do Buriti,

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.