28/02/2024

O Centro Interescolar de Línguas oferece formação em português para pessoas de outras línguas.

“O Brasil é um país maravilhoso, cheio de oportunidades. Eu sou muito empolgado com o estudo da língua, e o curso me abriu muitas portas”, diz o colombiano Jhon Aguirre | Fotos: Paulo H.Carvalho/Agência Brasília

O curso ministrado na unidade do Guará busca fortalecer a adaptação de alunos não nascidos no Brasil, abordando temas de cidadania e cultura adaptados às crenças e hábitos originais dos estudantes.

Um mural repleto de histórias ocupa o corredor do Centro Interescolar de Línguas (CIL) do Guará, onde estão sendo formados 13 estudantes estrangeiros interessados em aprender a língua portuguesa. O curso, centrado nos pilares de língua, cultura e cidadania, é projetado para respeitar as crenças e hábitos individuais de cada estudante.

O mural exibe cartazes preenchidos com relatos manuscritos e imagens provenientes de diversos países, destacando histórias como a de Jhon Aguirre, um comerciante de 42 anos, oriundo de Bogotá, Colômbia, que mudou-se em busca de uma nova vida. Atualmente no nível 6 no CIL do Guará, Jhon fala fluentemente o português e expressa gratidão pela oportunidade proporcionada pelo programa voltado para a comunidade imigrante. Ele adotou o Brasil como seu segundo lar e destaca o impacto positivo do curso em sua habilidade de comunicação.

Outra participante, a venezuelana Maria Mago, jornalista de 35 anos, chegou ao Brasil há sete meses com sua família. Cursando o nível dois, ela descobriu o curso de português através das redes sociais da comunidade do Guará. Para Maria, aprender o idioma nativo é uma oportunidade valiosa que contribui para seu crescimento pessoal.

Ayodele Sijibomi, um estudante nigeriano de 27 anos, destaca não apenas a integração proporcionada pelo curso, mas também os benefícios financeiros, permitindo economizar dinheiro enquanto aprende. Ele enfatiza a maravilhosa experiência de fazer novos amigos em um ambiente receptivo.

A professora Fabíola Ribeiro de Souza, com quase três décadas de experiência na Secretaria de Educação do DF, leciona português no CIL do Guará. Ela destaca a abordagem inovadora do curso, que integra psicologia, pedagogia e narrativas pessoais para promover o bem-estar global dos estudantes enquanto facilita a aprendizagem da língua. O curso aborda temas como direitos humanos e o Sistema Único de Saúde (SUS), utilizando um formato híbrido de aulas online e presenciais.

Fabíola enfatiza a importância de ser uma professora bem-formada, capaz de mediar a comunicação e o aprendizado mesmo quando não há fluência na língua materna de cada estudante estrangeiro. Ela expressa gratidão pelo apoio da Diretoria de Direitos Humanos da Secretaria de Educação e espera que o projeto se torne uma política pública no futuro.

Tribuna Livre, com informação do CIL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Hospital da Cidade do Sol amplia leitos em menos de 24 horas
Hospital da Cidade do Sol amplia leitos em menos de 24 horas
Combate à dengue é tema de quatro cursos online para servidores
Combate à dengue é tema de quatro cursos online para servidores
DF ultrapassa um milhão de cadastros atualizados no SUS
DF ultrapassa um milhão de cadastros atualizados no SUS
Compras do Programa de Aquisição de Alimentos beneficiam 968 agricultores
Compras do Programa de Aquisição de Alimentos beneficiam 968 agricultores
Caesb disponibiliza serviço gratuito de autoleitura de hidrômetros
Caesb disponibiliza serviço gratuito de autoleitura de hidrômetros
No Varjão, sábado foi marcado pelo Dia D de combate à dengue e por uma série de serviços oferecidos à população
No Varjão, sábado foi marcado pelo Dia D de combate à dengue e por uma série de serviços oferecidos à população.
O Programa de Arborização planeja o plantio de 100 mil mudas nativas no Distrito Federal em 2024
O Programa de Arborização planeja o plantio de 100 mil mudas nativas no Distrito Federal em 2024.
As reuniões dos Conselhos de Segurança Comunitários foram retomadas
As reuniões dos Conselhos de Segurança Comunitários foram retomadas.
Descubra as diferentes variantes do vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti
Descubra as diferentes variantes do vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti.
Vicente Pires está passando por melhorias em suas vias, com serviços de drenagem e manutenção asfáltica em andamento
Vicente Pires está passando por melhorias em suas vias, com serviços de drenagem e manutenção asfáltica em andamento
Sábado de vacinação para público de todas as idades
Sábado de vacinação para público de todas as idades
Tendas de hidratação contam com apoio do programa Jovem Candango
Tendas de hidratação contam com apoio do programa Jovem Candango

Faço da prioridade da população a minha prioridade.

Bem articulado com todos os Poderes de Novo Gama, dentre eles o Executivo,  com DF e demais município do Entorno, Renato Caldas mostra a que veio. Renato Caldas é reconhecido como um dos vereadores mais atuantes de Novo Gama. Sua dedicação e comprometimento com a comunidade são admiráveis, sempre buscando

Leia mais...

Combate à dengue é tema de quatro cursos online para servidores

Formações são indicadas para profissionais da educação e da saúde. As aulas são gratuitas e online, podendo ser assistidas a qualquer momento pelos participantes A Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs) oferece quatro cursos relacionados ao combate à dengue para servidores da saúde e da educação. As capacitações são

Leia mais...

DF ultrapassa um milhão de cadastros atualizados no SUS

Mais de 97% das atualizações do Recadastra SUS foram feitas presencialmente; com dados dos usuários mais confiáveis, a rede pública consegue otimizar a fila de espera por exames e consultas Sete meses após lançar a campanha Recadastra SUS, o Distrito Federal chegou a 1.054.928 cadastros atualizados no Sistema Único de

Leia mais...

Caesb disponibiliza serviço gratuito de autoleitura de hidrômetros

Todos os clientes da companhia podem aderir à iniciativa, especialmente aqueles que não conseguem receber leiturista em casa durante o dia Pensando no conforto e bem-estar dos brasilienses, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) disponibiliza o serviço de autoleitura, no qual o próprio usuário fornece a leitura

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.