27/05/2024

O Centro Interescolar de Línguas oferece formação em português para pessoas de outras línguas.

“O Brasil é um país maravilhoso, cheio de oportunidades. Eu sou muito empolgado com o estudo da língua, e o curso me abriu muitas portas”, diz o colombiano Jhon Aguirre | Fotos: Paulo H.Carvalho/Agência Brasília

O curso ministrado na unidade do Guará busca fortalecer a adaptação de alunos não nascidos no Brasil, abordando temas de cidadania e cultura adaptados às crenças e hábitos originais dos estudantes.

Um mural repleto de histórias ocupa o corredor do Centro Interescolar de Línguas (CIL) do Guará, onde estão sendo formados 13 estudantes estrangeiros interessados em aprender a língua portuguesa. O curso, centrado nos pilares de língua, cultura e cidadania, é projetado para respeitar as crenças e hábitos individuais de cada estudante.

O mural exibe cartazes preenchidos com relatos manuscritos e imagens provenientes de diversos países, destacando histórias como a de Jhon Aguirre, um comerciante de 42 anos, oriundo de Bogotá, Colômbia, que mudou-se em busca de uma nova vida. Atualmente no nível 6 no CIL do Guará, Jhon fala fluentemente o português e expressa gratidão pela oportunidade proporcionada pelo programa voltado para a comunidade imigrante. Ele adotou o Brasil como seu segundo lar e destaca o impacto positivo do curso em sua habilidade de comunicação.

Outra participante, a venezuelana Maria Mago, jornalista de 35 anos, chegou ao Brasil há sete meses com sua família. Cursando o nível dois, ela descobriu o curso de português através das redes sociais da comunidade do Guará. Para Maria, aprender o idioma nativo é uma oportunidade valiosa que contribui para seu crescimento pessoal.

Ayodele Sijibomi, um estudante nigeriano de 27 anos, destaca não apenas a integração proporcionada pelo curso, mas também os benefícios financeiros, permitindo economizar dinheiro enquanto aprende. Ele enfatiza a maravilhosa experiência de fazer novos amigos em um ambiente receptivo.

A professora Fabíola Ribeiro de Souza, com quase três décadas de experiência na Secretaria de Educação do DF, leciona português no CIL do Guará. Ela destaca a abordagem inovadora do curso, que integra psicologia, pedagogia e narrativas pessoais para promover o bem-estar global dos estudantes enquanto facilita a aprendizagem da língua. O curso aborda temas como direitos humanos e o Sistema Único de Saúde (SUS), utilizando um formato híbrido de aulas online e presenciais.

Fabíola enfatiza a importância de ser uma professora bem-formada, capaz de mediar a comunicação e o aprendizado mesmo quando não há fluência na língua materna de cada estudante estrangeiro. Ela expressa gratidão pelo apoio da Diretoria de Direitos Humanos da Secretaria de Educação e espera que o projeto se torne uma política pública no futuro.

Tribuna Livre, com informação do CIL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
DF 3Política distrital vai tratar de prevenção e enfrentamento de desaparecimento de pessoas
Política distrital vai tratar de prevenção e enfrentamento de desaparecimento de pessoas
Programa Cidadania nas Escolas certifica 395 estudantes de escolas do Itapoã
Programa Cidadania nas Escolas certifica 395 estudantes de escolas do Itapoã
DF 1DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas
DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas
DF 4Intervenções no trânsito do fim de semana em Vicente Pires, Ceilândia e Guará
Intervenções no trânsito do fim de semana em Vicente Pires, Ceilândia e Guará
DF 3Reforma de pontes sobre o Córrego Guará começa neste sábado (25)
Reforma de pontes sobre o Córrego Guará começa neste sábado (25)
DF 2Atletas mirins dos centros olímpicos visitam octógono do Jungle Fight 126
Atletas mirins dos centros olímpicos visitam octógono do Jungle Fight 126
DF 1Agro do Quadrado: Produção de grãos no DF cresce com qualidade no DNA
Agro do Quadrado: Produção de grãos no DF cresce com qualidade no DNA
DF 4Escritura pública de concessão de uso é entregue ao clube da Adepol
Escritura pública de concessão de uso é entregue ao clube da Adepol
DF 3Programa Cartão Prato Cheio vai além da segurança alimentar e nutricional
Programa Cartão Prato Cheio vai além da segurança alimentar e nutricional
DF 2GDF monitora execução do Plano Plurianual 2024-2027
GDF monitora execução do Plano Plurianual 2024-2027
DF 1Rede pública de saúde do DF aumenta número de leitos pediátricos e de ambulâncias
Rede pública de saúde do DF aumenta número de leitos pediátricos e de ambulâncias
DF 4Últimos dias de inscrição para a primeira turma dos cursos de corte, costura e serigrafia
Últimos dias de inscrição para a primeira turma dos cursos de corte, costura e serigrafia

DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas

‌Desde 2019, foram construídos 220,52 km; capital tem a segundo maior conjunto de vias para ciclistas no país. GDF trabalha para interligar trechos e aumentar a mobilidade da população A malha cicloviária do Distrito Federal tem aumentado nos últimos anos. Atualmente, ela tem uma extensão de 687,12 km, distribuída em

Leia mais...

Marinhas do Brasil e dos EUA realizam operação em apoio ao RS

Operação tem como objetivo transferir doações para as vítimas das enchentes no estado de maneira mais ágil A Marinha do Brasil (MB) conduz, na próxima segunda-feira (27/5), uma operação de apoio à população do Rio Grande do Sul em meio à situação de calamidade pública causada pelas enchentes. A ação

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.