19/06/2024

A iniciativa “Mulher, não se cale!” expande sua campanha para os terminais rodoviários do Distrito Federal.

Segunda fase da campanha será lançada na terça-feira (12), na Rodoviária do Plano Piloto | Fotos: Vinicius de Melo/SMDF

Espaços de ampla movimentação serão contemplados com uma iniciativa que disponibilizará informações e orientações sobre como combater e relatar casos de violência de gênero.

A partir do dia 12, os frequentadores da Rodoviária do Plano Piloto e diversos terminais de ônibus no Distrito Federal terão acesso a informações e orientações sobre como enfrentar e denunciar a violência de gênero, por meio da campanha “Mulher, não se cale!”, promovida pela Secretaria da Mulher (SMDF) em parceria com o Instituto Inside Brasil.

A ação integra as iniciativas do Governo do Distrito Federal (GDF) para combater uma das principais violações dos direitos humanos, que impacta milhares de mulheres anualmente. Conforme a Lei Maria da Penha, a violência doméstica e familiar contra a mulher, seja física, psicológica, sexual, patrimonial ou moral, pode resultar em danos severos à saúde e dignidade das vítimas, inclusive levando à morte.

A campanha visa prevenir e combater essa forma de violência, levando informações e conscientização a mulheres que transitam na Rodoviária do Plano Piloto e nos terminais de ônibus do Setor O e Setor QNQ/QNR, ambos em Ceilândia. Além disso, a campanha percorrerá diversas localidades, incluindo Brazlândia, Gama Central, Planaltina, Samambaia Sul e Norte, Sobradinho, Santa Maria Sul, Guará, Riacho Fundo e Riacho Fundo II, com ações culturais nas feiras de Planaltina, Guará e Vicente Pires.

A iniciativa não apenas encorajará mulheres que enfrentam ou testemunham tais violências a não se calarem e denunciarem os agressores, mas também incentivará terceiros a fazerem denúncias anônimas. O número para denúncias é o 180, disponível 24 horas por dia, com ligação gratuita. As mulheres também podem buscar apoio em órgãos especializados, como delegacias da mulher, centros de referência e a Casa Abrigo.

Giselle Ferreira, secretária da Mulher, destaca que comunicar sobre as diversas formas de violência é uma maneira de interromper o ciclo de violência e empoderar as mulheres. Ela enfatiza que a informação capacita as mulheres a identificarem sinais de abuso e buscarem ajuda antes que a situação se agrave.

Flávio Murilo Prates, secretário de Transporte e Mobilidade do DF, ressalta a importância da campanha para os usuários do transporte público coletivo, destacando a necessidade de combater e denunciar todo tipo de violência contra a mulher. O lançamento da campanha “Mulher, não se cale!” está marcado para as 10h, na Rodoviária do Plano Piloto, e conta com o apoio da Secretaria de Transporte e Mobilidade. Durante o período de ativação, até 3 de fevereiro de 2024, serão realizadas diversas ações, como distribuição de materiais informativos, exposição de cartazes e banners, entre outras.

A campanha já realizou a primeira fase em parceria com o Metrô-DF, alcançando diretamente cerca de 100 mil usuários e 130 mil pessoas indiretamente. A ação envolveu conscientização e prevenção da violência contra a mulher com ações presenciais em cinco estações e comunicação visual nos trens de 18 estações do Metrô-DF, ocorrendo de 28 de agosto a 27 de outubro deste ano.

Tribuna Livre, com informações da Secretaria da Mulher

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
QualificaDF Móvel abre inscrições para capacitação profissional em 4 cidades
QualificaDF Móvel abre inscrições para capacitação profissional em 4 cidades
Inscrições para quase 6 mil vagas em cursos técnicos abrem nesta quinta-feira (20)
Inscrições para quase 6 mil vagas em cursos técnicos abrem nesta quinta-feira (20)
Caesb investe R$ 3,7 milhões em energia limpa e reduz custos operacionais
Caesb investe R$ 3,7 milhões em energia limpa e reduz custos operacionais
Mais de 150 produtores rurais apresentam cartões de vacina de rebanhos contra raiva
Mais de 150 produtores rurais apresentam cartões de vacina de rebanhos contra raiva
GDF destina R$ 110 milhões para famílias darem de entrada na casa própria
GDF destina R$ 110 milhões para famílias darem de entrada na casa própria
Portaria conjunta institui programa e aplicativo de proteção aos conselheiros tutelares do DF
Portaria conjunta institui programa e aplicativo de proteção aos conselheiros tutelares do DF
Fiscalização contra estacionamento irregular no DF é intensificada
Fiscalização contra estacionamento irregular no DF é intensificada
Regulamentados os serviços de capelania nas unidades de saúde
Regulamentados os serviços de capelania nas unidades de saúde
Semana abre com 605 vagas de emprego disponíveis por todo o DF
Semana abre com 605 vagas de emprego disponíveis por todo o DF
Novos anestesistas da rede pública de saúde do DF começam a atuar nesta segunda-feira (17)
Novos anestesistas da rede pública de saúde do DF começam a atuar nesta segunda-feira (17)
IPEDF completa dois anos analisando dados para políticas públicas mais eficientes
IPEDF completa dois anos analisando dados para políticas públicas mais eficientes
Modernização da rede de água do Lago Norte tem investimento de R$ 4 milhões
Modernização da rede de água do Lago Norte tem investimento de R$ 4 milhões

Defesa Civil do RS divulga balanço após chuvas recentes

No total, entre sexta-feira e hoje (18/6), 22 municípios gaúchos reportaram danos em razão de alagamentos no estado Entre sexta-feira passada e hoje (18/6), 22 municípios gaúchos enfrentaram alagamentos, inundações e deslizamentos de terra, conforme relatório da Defesa Civil estadual. São Luiz Gonzaga foi uma das cidades mais afetadas, com

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.