16/06/2024

A Justiça decretou a prisão preventiva do suspeito de homicídio envolvendo uma adolescente grávida em Alexânia.

Adolescente assassinada (Foto: Reprodução)

A vítima foi supostamente assassinada após comunicar o fim do relacionamento, resultando na morte do bebê também.

Durante a audiência de custódia realizada nesta sexta-feira (1/12), o juiz Fernando Augusto Chacha de Rezende decretou a prisão preventiva de Jules Henrique Sirino, suspeito da morte da adolescente Alice Fernandes de Jesus, de 16 anos, que estava grávida. O crime ocorreu em Alexânia, no Entorno do Distrito Federal, na última quinta-feira (30).

Na audiência, a defesa de Jules solicitou a concessão de liberdade, reiterando o pedido de transferência do preso para um local que garanta sua segurança. Contudo, o juiz considerou que o crime possui fundamentação sólida e “sobram indícios suficientes em relação ao autuado”.

Conforme relato policial, Jules teria assassinado Alice a facadas e fugido de bicicleta. A vítima foi supostamente morta após anunciar o término do relacionamento, resultando também na morte do bebê. O crime ocorreu na residência onde o casal vivia, no Jardim Esperança.

Após intensificar o patrulhamento, a polícia encontrou uma bicicleta semelhante em um matagal próximo ao Rio Sapezal, possibilitando a localização e prisão do suspeito. Segundo informações policiais, ele confessou o homicídio da adolescente com uma faca. Posteriormente, Jules foi encaminhado para a unidade prisional de Águas Lindas de Goiás, também no Entorno do Distrito Federal.

Por meio de nota, a escola em que Alice estudava lamentou profundamente a morte da jovem, destacando que ela era uma aluna e amiga incrível.

Tribuna Livre, com informações do TJGO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio
Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio
Falso sequestro no setor Jaó: polícia prende um dos envolvidos
Falso sequestro no setor Jaó: polícia prende um dos envolvidos
Grupo Equatorial Energia prorroga campanha em parceria com a CUFA para arrecadar R$ 1 milhão para o RS
Grupo Equatorial Energia prorroga campanha em parceria com a CUFA para arrecadar R$ 1 milhão para o RS
Após 29 anos de espera começa a construção de hospital em Novo Gama
Após 29 anos de espera começa a construção de hospital em Novo Gama
Grupo que enganou locadoras, concessionária e compradores de veículos fez ao menos 12 vítimas
Grupo que enganou locadoras, concessionária e compradores de veículos fez ao menos 12 vítimas
Juíza dá sermão em motorista de Mercedes que matou vigilante: “agride a sociedade”
Juíza dá sermão em motorista de Mercedes que matou vigilante: “agride a sociedade”
Garota morta pelo namorado e jogada em cisterna teve seios cortados, diz polícia
Garota morta pelo namorado e jogada em cisterna teve seios cortados, diz polícia
Existem duas habilidades que Deus dá aos obreiros: uma é realizar a obra de Deus através dos cargos ministeriais e a outra é a de realizar obras para Deus
Existem duas habilidades que Deus dá aos obreiros: uma é realizar a obra de Deus através dos cargos ministeriais e a outra é a de realizar obras para Deus.
Queimadas: Equatorial Goiás alerta para aumento dos focos perto da rede elétrica
Queimadas: Equatorial Goiás alerta para aumento dos focos perto da rede elétrica
Operação mira suspeitos de usar inteligência artificial para tentar fraudar sistemas bancários em Goiás e SP
Operação mira suspeitos de usar inteligência artificial para tentar fraudar sistemas bancários em Goiás e SP
Carga milionária de cocaína que abasteceria Brasília é apreendida em Goiás
Carga milionária de cocaína que abasteceria Brasília é apreendida em Goiás
Mozarlândia: vereadores acusados de desvios enfrentam impeachment e estão na mira do MP
Mozarlândia: vereadores acusados de desvios enfrentam impeachment e estão na mira do MP

Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio

Defesa prepara um novo habeas corpus O Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) expediu na tarde desta sexta-feira (14), os mandados de prisão de Maurício Sampaio e policial militar reformado Ademá Figueiredo, condenados pelo assassinato do radialista Valério Luiz de Oliveira em 2012. O despacho foi assinado pelo juiz Lourival

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.