20/06/2024

A mais recente turma do programa RenovaDF 2023 conta com a participação de 1,5 mil estudantes.

Vice-governadora Celina Leão: “Qualificação significa oportunidade. E, às vezes, a única coisa que a gente precisa na vida é de uma oportunidade. Muita gente já sai do Renova montando o próprio empreendimento, cuidando da sua vida profissional, com autonomia financeira” | Fotos: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

Na sua sexta fase, o programa de capacitação abordará temas como carpintaria, jardinagem, serralheria e diversas outras atividades.

O Ginásio de Esportes do Cruzeiro estava repleto. Com 1.500 participantes acomodados na quadra e arquibancadas, homens e mulheres concentravam-se nas instruções transmitidas pelos alto-falantes. Na manhã da última sexta-feira (24), os novos alunos do 6º ciclo do RenovaDF foram calorosamente recebidos no programa de qualificação profissional do Governo do Distrito Federal (GDF).

Desde sua criação em 2021, o RenovaDF formou um total de 14.654 alunos em seis ciclos, com outros 2.512 ainda em processo de curso. O programa oferece ensinamentos fundamentais em carpintaria, jardinagem, serralheria, hidráulica e outras especialidades. Enquanto adquirem habilidades, os alunos também contribuem para a revitalização de espaços públicos na cidade, como parques, praças, quadras poliesportivas, campos sintéticos de futebol, vilas olímpicas e viadutos. Mais de 2.100 instalações foram renovadas pelos aprendizes, que já passaram por 23 cidades do DF.

A vice-governadora Celina Leão destacou: “Qualificação significa oportunidade. E, às vezes, a única coisa que a gente precisa na vida é de uma oportunidade. Muita gente já sai do Renova montando o próprio empreendimento, cuidando da sua vida profissional, com autonomia financeira.”

As aulas do RenovaDF, ministradas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai), têm duração de 4 horas diárias ao longo de três meses. Os alunos recebem um kit de uniforme completo, lanche, bolsa no valor de um salário mínimo, além de auxílio-transporte e seguro contra acidentes pessoais.

Aline Bessa, dona de casa de 34 anos, expressou sua alegria ao segurar a apostila do curso. Ela, moradora do Sol Nascente, decidiu participar do RenovaDF para adquirir uma nova profissão, após uma pausa profissional para cuidar de seus dois filhos deficientes. “Sou muito grata pela oportunidade de estar aprendendo uma nova profissão. Porque o aprendizado é pra gente, né? Ninguém pode tirar de nós.”

Desde sua criação, o programa renovou não apenas equipamentos, mas também vidas. A expectativa é que em 2024 o RenovaDF tenha entre cinco a seis etapas, cada uma com aproximadamente 1.500 alunos. Uma novidade planejada para o próximo ano é a introdução da vivência profissional, aumentando a qualificação em mais três meses para cerca de 20% dos alunos, oferecendo estágios em empresas cadastradas sem custos adicionais.

Na perspectiva de José Leite, 55 anos, o RenovaDF é um estímulo para retomar sua vida profissional. Ele vê a participação no programa como uma oportunidade única de não apenas trabalhar, mas de contribuir para a sociedade. “Além disso, estaremos em contato com a comunidade. Quando estivermos lá, pintando, capinando, vamos poder conversar com os moradores para que eles possam ajudar a cuidar, a conservar esses espaços”, ressaltou.

Tribuna Livre, com informações do RenovaDF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Brasília é a segunda capital mais segura do país, aponta Atlas da Violência 2024
Brasília é a segunda capital mais segura do país, aponta Atlas da Violência 2024
Núcleo da Unidade de Internação de Santa Maria disputa prêmio de Melhor Escola do Mundo
Núcleo da Unidade de Internação de Santa Maria disputa prêmio de Melhor Escola do Mundo
UPAs atenderam quase meio milhão de pessoas nos cinco primeiros meses de 2024
UPAs atenderam quase meio milhão de pessoas nos cinco primeiros meses de 2024
Abrigo no Plano Piloto protege 80 pessoas em situação de rua do frio
Abrigo no Plano Piloto protege 80 pessoas em situação de rua do frio
QualificaDF Móvel abre inscrições para capacitação profissional em 4 cidades
QualificaDF Móvel abre inscrições para capacitação profissional em 4 cidades
Inscrições para quase 6 mil vagas em cursos técnicos abrem nesta quinta-feira (20)
Inscrições para quase 6 mil vagas em cursos técnicos abrem nesta quinta-feira (20)
Caesb investe R$ 3,7 milhões em energia limpa e reduz custos operacionais
Caesb investe R$ 3,7 milhões em energia limpa e reduz custos operacionais
Mais de 150 produtores rurais apresentam cartões de vacina de rebanhos contra raiva
Mais de 150 produtores rurais apresentam cartões de vacina de rebanhos contra raiva
GDF destina R$ 110 milhões para famílias darem de entrada na casa própria
GDF destina R$ 110 milhões para famílias darem de entrada na casa própria
Portaria conjunta institui programa e aplicativo de proteção aos conselheiros tutelares do DF
Portaria conjunta institui programa e aplicativo de proteção aos conselheiros tutelares do DF
Fiscalização contra estacionamento irregular no DF é intensificada
Fiscalização contra estacionamento irregular no DF é intensificada
Regulamentados os serviços de capelania nas unidades de saúde
Regulamentados os serviços de capelania nas unidades de saúde

Leilão de arroz: presidente da Comissão de Agricultura fala em fraude

Ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, prestou esclarecimentos à Comissão na Câmara sobre leilão para compra de arroz feito pelo governo O presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, deputado Evair Vieira de Melo (PP-ES), chamou o leilão de arroz realizado pelo governo federal de “esquema fraudulento”. O

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.