22/04/2024

O Alcoólicos Anônimos celebra seu 76º aniversário no Brasil

O Alcoólicos Anônimos celebra seu 76º aniversário no Brasil.
O Alcoólicos Anônimos celebra seu 76º aniversário no Brasil.

O início da relação com o álcool frequentemente acontece durante a adolescência e é frequentemente encarado como um rito de passagem. Algumas pessoas conseguem manter uma relação saudável com o álcool, mas para muitas outras, essa conexão se tornará problemática. O consumo excessivo acaba por afetar negativamente a carreira, os relacionamentos familiares e as amizades.

Isso foi o que aconteceu com Laura. Ela relata que começou a consumir álcool aos 13 anos e, em pouco tempo, viu o álcool se tornar uma parte cada vez mais dominante de sua vida, chegando ao ponto de começar a beber logo de manhã.

“Com o tempo, toda vez que eu ia a uma festa, eu bebia. Depois de um tempo, comecei a beber antes da festa, durante a festa e depois dela. Eu não conseguia estudar, não conseguia me concentrar nas coisas que precisava fazer, e percebi que o álcool estava se tornando um problema na minha vida”, lembra Laura.

A presença do álcool também teve um impacto avassalador na vida de Torres. Seu primeiro contato com bebidas alcoólicas aconteceu quando ele tinha apenas 12 anos.

“Aos 15 anos, eu já estava bebendo todos os finais de semana. Aos 25 anos, eu estava praticamente bebendo todos os dias à noite. Aos 32 anos, eu já estava bebendo de manhã. Entre os 30 e 32 anos, comecei a ser internado devido ao alcoolismo. O alcoolismo afeta todas as áreas da vida, a profissional, a afetiva, a espiritual. Eu perdi todo contato com algo maior, a natureza, o esporte. Abandonei as coisas boas da vida e me afundei no alcoolismo.”

Apesar da grande diferença de idade entre eles, as histórias de Laura e Torres se encontraram em uma das unidades dos Alcoólicos Anônimos (AA) na zona sul do Rio de Janeiro. Lá, conheceram outras pessoas com o mesmo problema e, por meio dos encontros na chamada “irmandade”, conseguiram abandonar completamente o álcool. Hoje, ambos estão livres do consumo de álcool.

“Eu me perdi completamente. Foi quando olhei no espelho e não sabia mais quem eu era que percebi que precisava tomar uma atitude. Foi no site dos Alcoólicos Anônimos que encontrei doze perguntas. Se você responder positivamente a quatro delas, pode ter um problema com álcool. Eu respondi positivamente a todas”, conta Laura.

Com 25 anos de participação no AA, Torres destaca a importância de admitir o problema. “Quando a chave vira, quando a admissão do alcoolismo é completa, quando eu entendo que perdi o controle da minha vida para o álcool, eu posso não beber um dia de cada vez, como meus companheiros fazem. A chave vira, a mente se abre.”

O Alcoólicos Anônimos, uma entidade fundada nos Estados Unidos na década de 1930, é uma porta aberta para quem deseja se livrar do álcool. No Brasil, a organização tem 76 anos de atividade e uma das principais regras é o anonimato. Ninguém pergunta o nome ou a profissão de quem chega. Cada pessoa pode adotar um apelido, e a participação é voluntária. No entanto, o vínculo formado entre os membros da irmandade é extremamente forte. Quando alguém sente que está prestes a recair e voltar a beber, pode ligar para um dos companheiros e pedir ajuda, e essa ajuda é sempre oferecida.

Gabriela Henriques, vice-presidente nacional do AA e psicóloga, explica que a organização está sempre disponível em centenas de locais no Brasil para ajudar gratuitamente quem precisa.

“A partir do momento em que a pessoa reconhece que tem dificuldades com o uso de álcool, ela pode procurar o Alcoólicos Anônimos, participar de uma reunião, ir ao grupo, pedir ajuda, que é o principal objetivo do AA: estender a mão ao alcoólico que ainda sofre.”

Uma das maneiras de buscar ajuda é acessar a página da entidade na internet, onde é possível encontrar a localização do AA mais próximo e até mesmo conversar com alguém pelo WhatsApp.

 

Tribuna Livre Brasil com informações da Agência Brasil
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Procurador minimiza ações do MST e liga grupo Invasão Zero a atos antidemocráticos
Procurador minimiza ações do MST e liga grupo Invasão Zero a atos antidemocráticos
CCJ do Senado aprova PEC criticada pelo governo que turbina salários de juízes e promotores
CCJ do Senado aprova PEC criticada pelo governo que turbina salários de juízes e promotores
Bolsonaro é recebido por apoiadores ao chegar no Mato Grosso
Bolsonaro é recebido por apoiadores ao chegar no Mato Grosso.
Bolsonaro explode com Valdemar por causa de ação contra Moro
Bolsonaro explode com Valdemar por causa de ação contra Moro
Imposto de Renda: Senado aprova isenção para 2 salários mínimos
Imposto de Renda: Senado aprova isenção para 2 salários mínimos
PL quer cassar deputado do PSol após briga com militante do MBL; vídeo
PL quer cassar deputado do PSol após briga com militante do MBL; vídeo
MPF se manifesta contra afastamento de Hardt e 3 integrantes do TRF-4
MPF se manifesta contra afastamento de Hardt e 3 integrantes do TRF-4
Senado vota nesta semana PEC que criminaliza porte de qualquer quantidade de droga
Senado vota nesta semana PEC que criminaliza porte de qualquer quantidade de droga
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.
Não queremos mulheres na política apenas por cotas, diz Michelle
Não queremos mulheres na política apenas por cotas, diz Michelle.
Pacheco auxilia candidatos do PT a prefeito em Minas e busca apoio para se tornar governador em 2026
Pacheco auxilia candidatos do PT a prefeito em Minas e busca apoio para se tornar governador em 2026
Acusado de chefiar organização criminosa, vereador nega senha de celular ao Gaeco
Acusado de chefiar organização criminosa, vereador nega senha de celular ao Gaeco

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.