19/05/2024

Assassino confesso de Luana foi absolvido por estupro em 2017 após vítima não ser encontrada

 Embora a vítima houvesse prestado depoimento à polícia contra
Reidimar e perícias reforçassem a acusação contra ele, o homem foi absolvido
porque a adolescente não foi encontrada


Mais Goiás

 

Reidimar Silva, de 31 anos, é investigado pela morte da
estudante Luana Alves, em Goiânia (Foto: Divulgação – PC)

O ajudante de pedreiro Reidimar Silva Santos, que
confessou ter matado e abusado sexualmente a estudante Luana Marcelo Alves, de
12 anos, já foi absolvido de uma acusação de estupro contra uma adolescente de
15 anos, em 2017, também no setor Madre Germana II, em Goiânia. Embora a vítima
houvesse prestado depoimento à polícia contra Reidimar e perícias reforçassem a
acusação contra ele, o homem foi absolvido porque a adolescente não foi
encontrada e, por isso, não pode ser notificada, para participar do julgamento.

Segundo o processo, ao qual o jornal O Popular teve
acesso, sem o depoimento da vítima e da mãe dela, o juiz acatou o
posicionamento da Defensoria Pública do Estado de Goiás, que cuidava da defesa
do suspeito. Na época, Reidimar tinha 24 anos. Atualmente ele tem 31.

Reidimar foi indiciado pela Polícia Civil e denunciado
pelo Ministério Público de Goiás por estupro cometido contra a jovem de 15
anos. Em 18 de janeiro de 2015, ele teria abordado a garota quando ela voltava
de uma distribuidora de bebidas a pé com amigas. O suspeito estava de bicicleta
e teria usado uma faca para obrigá-la a ter relações sexuais com ele uma casa
abandonada na rua em que a vítima morava.

Absolvição de assassino confesso de Luana em 2017

Na sentença que absolveu Reidimar pela acusação de
estupro, o juiz João Divino Moreira Silvério Sousa, citou mais de uma vez que a
ausência da vítima na audiência judicial atrapalhou sua decisão, pois dúvidas
que surgiram nas apresentações feitas pela acusação e defesa não foram
esclarecidas.

A família da adolescente se mudou para outro bairro na
mesma semana que a jovem denunciou Reidimar.

“As provas constantes nos autos não infundem certeza para
o decreto condenatório em desfavor do acusado. (…) Assim, diante da fragilidade
das provas carreadas para o feito, a absolvição do acusado se impõe, vez que,
em caso de dúvidas sobre a existência do crime, há de se decidir a favor do
acusado”, escreveu o juiz em sua decisão.

Diferentes versões

Em depoimento prestado para a Polícia Civil, a
adolescente contou que foi agredida por Reidimar, chegou a desmaiar dentro da
casa abandonada e que ele a teria ameaçado de morte várias vezes. Ela narra que
em determinado momento, o servente de pedreiro parecia estar sob efeito de
drogas e que se afastou dela pedindo perdão e dizendo que estava “fora de si”.
Mas que logo depois, voltou-se contra ela e tentou mata-la estrangulada, mas a
jovem mordeu a mão do agressor e conseguiu gritar por socorro.

Ainda durante seu depoimento, a jovem contou que Reidimar
fugiu ao ouvi-la gritar, pois vizinhos foram para a rua, assustados. Mas ela
permaneceu no interior do imóvel, pois estava em choque. Com isso, o servente
teria voltado minutos depois para pegar o celular, fato que a fez correr para
fora da casa ainda nua e novamente gritando por socorro. Neste momento, os
vizinhos novamente apareceram e imobilizaram Reidimar, mas o soltaram após ele
alegar que a jovem estava drogada e que a relação sexual havia sido consentida.

Depois disso, Reidimar só voltou a ser localizado quando
teve a prisão preventiva decretada e a Justiça descobriu que já estava detido
no semiaberto por causa de um roubo.

Versão de Reidimar

Ao ser interrogado pela Justiça, Reidimar disse que a
relação sexual foi consentida e que aquela teria sido a segunda vez que ficou
com a adolescente. Ainda segundo ele, ambos estavam sob efeito de álcool e
drogas naquela noite, e estavam na mesma distribuidora cada um com seus amigos,
mas que na hora de irem embora caminharam juntos pela rua, momento em que ela o
teria chamado para a casa abandonada.

Para o homem, ou a jovem surtou por estar sob efeito de
drogas ou o efeito do entorpecente passou e ela se arrependeu, por isso os
gritos e o pedido de socorro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Dupla de estelionatários é presa com mais de 100 cheques falsos na Vila Brasília, em Aparecida 
Dupla de estelionatários é presa com mais de 100 cheques falsos na Vila Brasília, em Aparecida 
Equatorial nega falta de energia em reservatório que deixou bairros sem água em Goiânia e Aparecida
Equatorial nega falta de energia em reservatório que deixou bairros sem água em Goiânia e Aparecida
Empresa de Goiânia é condenada após funcionária denunciar que era assediada e recebia tapas na bunda
Empresa de Goiânia é condenada após funcionária denunciar que era assediada e recebia tapas na bunda
Goiânia: homem é preso após ser flagrado com 80 porções de cocaína em veículo
Goiânia: homem é preso após ser flagrado com 80 porções de cocaína em veículo
G1
Motorista de carreta morre em acidente de trânsito na BR-050, em Catalão
GOE3
Detran multou mais de 1 milhão de motoristas em Goiânia durante 2023
GOE2
Confronto deixa 2 PMs baleados e 3 suspeitos de homicídio mortos em Corumbaíba
GOE1
Preços do hortifruti variam até 759% em Goiânia, aponta Procon
GO1
Paciente internado à força morre a caminho de clínica de reabilitação, em Caldas Novas
GO 3
TSE decide a favor do PRTB e vereadores Bruno Diniz e Santana Gomes devem voltar à Câmara de Goiânia
GO 2
Polícia prende cuidadora que maltratava idosa e filha com necessidades especiais
GO 1
Vilmar Rocha estimula candidatura de Ademir Menezes pelo PSD em Aparecida: “Nome natural”

Milhares de fieis prestigiam Festa do Divino, em Planaltina

Segunda maior celebração religiosa da região recebeu mais de R$ 1,2 milhão de investimento do GDF; festejos continuam neste domingo (19) Símbolo da fé brasiliense, a Festa do Divino Espírito Santo, em Planaltina, reuniu milhares de devotos neste sábado (18). O festejo começou logo cedo com a tradicional cavalgada –

Leia mais...

Escola Técnica de Santa Maria forma 169 alunos da primeira turma.

A deputada distrital Jaqueline Silva, emocionada, manifestou grande satisfação por mais essa conquista para a cidade. A deputada Jaqueline Silva declarou com emoção: “Não há palavras para expressar a minha satisfação em ver essa grande conquista beneficiando tantas pessoas.” Ela se referia à formatura de 169 alunos das primeiras turmas

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.