20/07/2024

Combate à dengue é tema de quatro cursos online para servidores

Os cursos são de atualização do manejo clínico para nível médio e superior, ‘Detetives da Saúde na Escola: Desvendando a Dengue’ e de vacinação contra a doença | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

Formações são indicadas para profissionais da educação e da saúde. As aulas são gratuitas e online, podendo ser assistidas a qualquer momento pelos participantes

A Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs) oferece quatro cursos relacionados ao combate à dengue para servidores da saúde e da educação. As capacitações são permanentes, gratuitas e online, podendo ser feitas a qualquer momento, conforme o ritmo do participante. Ao final, os concluintes recebem um certificado. Para participar, basta acessar a plataforma da Escola de Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (Eapsus) e se cadastrar aqui.

Um dos cursos é o de Detetives da Saúde na Escola: Desvendando a Dengue, que incentiva a prevenção da doença em casa e nos espaços educacionais. A formação é indicada para profissionais de ensino da rede pública e privada. A carga horária do curso é de 10h. São abordadas estratégias de educação para conectar os estudantes com a prevenção à dengue, além de explicações sobre a evolução clínica da doença e a importância da vacina.

“O nosso foco é alcançar todos os educadores do DF, trazendo a sociedade para mais próximo do combate ao mosquito”Fernanda Monteiro, diretora da Eapsus

“Mostramos que é possível trazer a sensibilização sobre o tema em cada uma das matérias escolares. Um professor de geografia, por exemplo, pode falar sobre a dengue quando trabalhar sazonalidade; enquanto o de português pode incluir palavras relacionadas à doença de forma lúdica e simples, em caça-palavras e cruzadinhas”, lista a diretora da Eapsus, Fernanda Monteiro. “O nosso foco é alcançar todos os educadores do DF, trazendo a sociedade para mais próximo do combate ao mosquito”, explica.

Outros dois cursos são de atualização do manejo clínico para nível médio e superior, cada um com carga horária de 16h. Direcionados a profissionais da saúde, as aulas debatem classificação de risco, condutas clínicas e notificação de casos conforme os níveis de escolaridade. Já a última capacitação é a de vacinação contra a dengue. São apresentadas orientações técnicas acerca do tema e formas de promoção de campanhas de conscientização. A carga horária é de 3h.

Mais de 800 pessoas já se inscreveram para participar das formações e a devolutiva dos participantes tem sido positiva. É o caso da enfermeira Kênia Domingues e da agente comunitária de saúde Luciana Roberta, que fizeram o curso de atualização do manejo clínico da dengue. “Gostei muito do curso e irei fazer os outros. São de grande relevância para a minha profissão”, comentou Luciana. Já Kênia destacou a forma de apresentação do conhecimento: “Gostei muito dos casos clínicos apresentados, foi uma didática muito boa, ficava curiosa para buscar os casos apresentados e tentar resolvê-los.”

Para participar, basta se inscrever na plataforma de ensino.

Tribuna Livre, com informações da Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
De Brasília a Paris: DF terá 16 representantes nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos
De Brasília a Paris: DF terá 16 representantes nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos
Novo acesso do Sudoeste ao Parque da Cidade começa a ser construído
Novo acesso do Sudoeste ao Parque da Cidade começa a ser construído
Novas câmeras inteligentes regulam abertura de semáforos em locais movimentados do DF
Novas câmeras inteligentes regulam abertura de semáforos em locais movimentados do DF
Equipes do GDF promovem acolhimento de pessoas em situação de rua em Taguatinga
Equipes do GDF promovem acolhimento de pessoas em situação de rua em Taguatinga
Ação de acolhimento da população em situação de rua continua nesta quinta (18) em Taguatinga
Ação de acolhimento da população em situação de rua continua nesta quinta (18) em Taguatinga
Investimento de R$ 2 milhões leva acessibilidade às calçadas da ADE de Samambaia
Investimento de R$ 2 milhões leva acessibilidade às calçadas da ADE de Samambaia
Inscrições para a 10ª edição do Casamento Comunitário vão até 23 de agosto
Inscrições para a 10ª edição do Casamento Comunitário vão até 23 de agosto
6ª Conferência Distrital das Cidades será realizada em junho de 2025
6ª Conferência Distrital das Cidades será realizada em junho de 2025
Prontuário médico detalhado qualifica cuidado a pacientes em ambiente hospitalar
Prontuário médico detalhado qualifica cuidado a pacientes em ambiente hospitalar
Inaugurado grafite em homenagem ao aniversário de 50 anos do Planetário
Inaugurado grafite em homenagem ao aniversário de 50 anos do Planetário 
Mais de 1,8 mil candidatos do Morar Bem são convocados para apresentação de documentos
Mais de 1,8 mil candidatos do Morar Bem são convocados para apresentação de documentos
Novo pátio de apreensão do DER terá capacidade para 3 mil veículos
Novo pátio de apreensão do DER terá capacidade para 3 mil veículos

Incêndio no sudeste da França deixa sete mortos

Entre as vítimas estão três crianças. A Polícia abriu investigação para apurar como as chamas começaram Sete pessoas morreram durante a noite em um incêndio, aparentemente de origem criminosa, em um edifício de Nice, anunciou o promotor da cidade do sudeste da França, Damien Martinelli. “Com base nos primeiros indícios,

Leia mais...

Bolsonaro diz que Ramagem “está pagando preço alto” pela coragem 

Ex-presidente subiu em trio para apoiar pré-candidatura de Ramagem à Prefeitura do Rio de Janeiro. Eles são alvo de investigação sobre espionagem ilegal na Abin durante o governo bolsonarista  O ex-presidente Jair Bolsonaro exaltou o deputado federal Alexandre Ramagem (PL-RJ), ex-diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), nesta quinta-feira (18/7),

Leia mais...

Comitiva do governo federal vai até regiões de conflitos indígenas no MS

Indígenas relataram que foram cercados por caminhonetes e atacados com disparos de armas de fogo Integrantes da comitiva enviada pelo governo federal na terça-feira (17/7), acompanhados por representantes do governo do Mato Grosso do Sul, visitaram duas localidades para mediar conflitos fundiários nesta quinta-feira. Indígenas visitados disseram que foram atacados

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.