26/05/2024

Dengue: Tenda de acolhimento 24 horas é inaugurada no Gama

As instalações da nova tenda do Gama são amplas e setorizadas, com consultórios, espaço de triagem, salas de medicação e equipamentos essenciais

Espaço segue modelo de hospital de campanha. Neste sábado (13), outra unidade será inaugurada no Paranoá; ao todo, 11 estruturas semelhantes funcionam no Distrito Federal

Mais uma tenda de acolhimento 24 horas para pacientes com suspeita de dengue foi inaugurada nesta sexta-feira (12), no Gama. A segunda estrutura para essa finalidade, das 11 que serão abertas, está localizada no estacionamento do Hospital Regional do Gama (HRG).

O espaço funciona como um hospital de campanha e tem capacidade para atender 300 pacientes por dia. A tenda conta com toda a infraestrutura necessária para acolher a população com agilidade, conforto e segurança.

Segundo a vice-governadora Celina Leão, as estruturas têm como objetivo garantir o atendimento noturno e evitar sobrecarregar as unidades de pronto atendimento (UPAs) e hospitais, possibilitando que o atendimento seja direcionado para outras especialidades.

“Em nenhum momento o Governo do Distrito Federal ficou de braços cruzados. Aliás, nós ampliamos cada dia mais o atendimento, com ações diversificadas”, destaca a vice-governadora. “Queremos fazer aqui no DF um laboratório de pesquisa e de ciência para entender melhor como o vírus está atuando e garantir o melhor atendimento do Brasil.”

Segundo ela, o objetivo da instalação é garantir um atendimento “rápido, ágil e específico para a dengue, cada vez melhor, para os cidadãos do Distrito Federal.”

As novas instalações são amplas e setorizadas, com consultórios, espaço de triagem, salas de medicação e equipamentos essenciais, incluindo aparelhos de ar-condicionado para a climatização do ambiente. Toldos de revestimento também foram instalados, para garantir a proteção necessária aos pacientes e profissionais de saúde que utilizarão esses espaços.

As unidades de atendimento ampliam a assistência aos usuários com suspeita de dengue, reduzindo as chances de ocorrerem complicações e óbitos. Também permitem que os cidadãos infectados tenham um atendimento ágil, célebre e preciso.

De acordo a secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, a nova tenda do Gama tem localização estratégica na região Sul do Distrito Federal, e vai contribuir para desafogar o sistema de saúde da cidade.

“O Gama tem uma rede bastante robusta e agora estamos organizando de tal forma que as nossas unidades básicas de saúde possam encaminhar os casos de dengue para a tenda. Com isso, desafogamos a atenção primária e oferecemos uma saúde de melhor qualidade aos moradores da região Sul, que é Gama e Santa Maria.”

“Temos uma equipe totalmente preparada, que fica 24 horas à disposição da população do Distrito Federal”

Clauber Lourenço, diretor médico das tendas de acolhimento

Atenção direcionada

De acordo com o diretor médico das tendas, Clauber Lourenço, os espaços dispõem de exames de sangue e de diagnóstico rápido com resultados disponíveis em até dez minutos, e os profissionais estão capacitados para atender a todas as faixas etárias. “Temos uma equipe totalmente preparada, que fica 24 horas à disposição da população do Distrito Federal.”

Daniel Monteiro, de 47 anos, foi o primeiro paciente a ser atendido no espaço. Ele foi diagnosticado com dengue na última semana e decidiu retornar à unidade de saúde para ter um direcionamento mais adequado sobre o tratamento.

“A primeira impressão é a melhor possível. A gente vê tudo organizado, tem uma estrutura e profissionais especializados para atender. A população do Gama necessitava disso. Eu acho que é um ganho muito grande pra comunidade do Gama, receber uma tenda dessa que é especializada, para que as pessoas sejam acolhidas da forma que realmente necessitam”, destaca.

Ações de combate à dengue

Na última quinta-feira (11), a primeira tenda de acolhimento do novo modelo passou a funcionar no Guará. Outras 11 estruturas com a mesma finalidade serão abertas em diversas regiões do DF. Neste sábado (13), é a vez do Paranoá receber os atendimentos, também no modelo 24h.

Desde o início do ano, o DF já conta com nove tendas de hidratação, espalhadas por várias regiões: Sol Nascente, Brazlândia, Ceilândia, Estrutural, Recanto das Emas, Samambaia, Santa Maria, São Sebastião e Sobradinho

No total, o DF contará com três unidades de atendimento ininterrupto e outras oito funcionando das 7h às 19h no Plano Piloto, Vicente Pires, Varjão, Taguatinga, Planaltina, Águas Claras, Ceilândia e Samambaia. Com instalações amplas, os espaços funcionam como um hospital de campanha e contam com toda a infraestrutura necessária para acolher a população com conforto e segurança.

Desde o início do ano, o DF já conta com nove tendas de hidratação, espalhadas por várias regiões: Sol Nascente, Brazlândia, Ceilândia, Estrutural, Recanto das Emas, Samambaia, Santa Maria, São Sebastião e Sobradinho.

Veja onde serão instaladas as novas tendas de acolhimento a pacientes com sintomas de dengue.

Com funcionamento 24h

→ Guará: em frente à UBS 1
→ Gama: estacionamento do Hospital Regional do Gama (HRG)
→ Paranoá: estacionamento do Hospital da Região Leste (HRL)

Com funcionamento diário, das 7h às 19h

→ Planaltina: estacionamento do Hospital Regional de Planaltina (HRP)
→ Plano Piloto: estacionamento do Hospital Regional da Asa Norte (Hran)
→ Vicente Pires: estacionamento da UPA
→ Taguatinga: estacionamento do ambulatório do Hospital Regional de Taguatinga (HRT)
→ Águas Claras: estacionamento da UBS 1 do Areal
→ Ceilândia: estacionamento do Hospital Regional de Ceilândia (HRC)
→ Samambaia: estacionamento da UBS 7
→ Varjão: atrás da UBS 1

Tribuna Livre, com informações da secretária de Saúde do Distrito Federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
DF 3Política distrital vai tratar de prevenção e enfrentamento de desaparecimento de pessoas
Política distrital vai tratar de prevenção e enfrentamento de desaparecimento de pessoas
Programa Cidadania nas Escolas certifica 395 estudantes de escolas do Itapoã
Programa Cidadania nas Escolas certifica 395 estudantes de escolas do Itapoã
DF 1DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas
DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas
DF 4Intervenções no trânsito do fim de semana em Vicente Pires, Ceilândia e Guará
Intervenções no trânsito do fim de semana em Vicente Pires, Ceilândia e Guará
DF 3Reforma de pontes sobre o Córrego Guará começa neste sábado (25)
Reforma de pontes sobre o Córrego Guará começa neste sábado (25)
DF 2Atletas mirins dos centros olímpicos visitam octógono do Jungle Fight 126
Atletas mirins dos centros olímpicos visitam octógono do Jungle Fight 126
DF 1Agro do Quadrado: Produção de grãos no DF cresce com qualidade no DNA
Agro do Quadrado: Produção de grãos no DF cresce com qualidade no DNA
DF 4Escritura pública de concessão de uso é entregue ao clube da Adepol
Escritura pública de concessão de uso é entregue ao clube da Adepol
DF 3Programa Cartão Prato Cheio vai além da segurança alimentar e nutricional
Programa Cartão Prato Cheio vai além da segurança alimentar e nutricional
DF 2GDF monitora execução do Plano Plurianual 2024-2027
GDF monitora execução do Plano Plurianual 2024-2027
DF 1Rede pública de saúde do DF aumenta número de leitos pediátricos e de ambulâncias
Rede pública de saúde do DF aumenta número de leitos pediátricos e de ambulâncias
DF 4Últimos dias de inscrição para a primeira turma dos cursos de corte, costura e serigrafia
Últimos dias de inscrição para a primeira turma dos cursos de corte, costura e serigrafia

DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas

‌Desde 2019, foram construídos 220,52 km; capital tem a segundo maior conjunto de vias para ciclistas no país. GDF trabalha para interligar trechos e aumentar a mobilidade da população A malha cicloviária do Distrito Federal tem aumentado nos últimos anos. Atualmente, ela tem uma extensão de 687,12 km, distribuída em

Leia mais...

Marinhas do Brasil e dos EUA realizam operação em apoio ao RS

Operação tem como objetivo transferir doações para as vítimas das enchentes no estado de maneira mais ágil A Marinha do Brasil (MB) conduz, na próxima segunda-feira (27/5), uma operação de apoio à população do Rio Grande do Sul em meio à situação de calamidade pública causada pelas enchentes. A ação

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.