17/04/2024

Em menos de um dia, a Polícia Militar de Minas Gerais deteve 25 indivíduos que estavam evadidos de presídios.

Do total de presos ainda foragidos, estes são autores de 130 crimes diferentes - (crédito: Reprodução/ PMMG)

Dentre um contingente de três mil detentos liberados temporariamente dos presídios, 118 não haviam retornado às instalações.

Em menos de 24 horas após o início da Operação Escudo, conduzida pela Polícia Militar, 25 dos 73 detentos beneficiados com a saída temporária de prisões para passarem as festas de fim de ano com suas famílias foram recapturados. A informação foi fornecida pelo tenente-coronel Flávio Godinho, diretor de operações da Polícia Militar, que expressa a expectativa de capturar os 48 restantes que ainda estão foragidos até o final desta semana.

Conforme relato do militar, em 2 de janeiro, constatou-se que 118 dos três mil beneficiados pela chamada “saidinha” não haviam retornado. Imediatamente, a Polícia Militar recapturou 45 desses detentos. Os 48 restantes, que continuam em fuga, são responsáveis por 130 crimes diversos, e as buscas estão em andamento não apenas em Belo Horizonte, mas também em outras cidades, como Contagem, Governador Valadares, Muriaé, Poços de Caldas, Uberaba, Betim e Teófilo Otoni. O tenente-coronel destaca que esses foragidos provêm de prisões nessas localidades.

Cinco dos criminosos em fuga são considerados de alta periculosidade, com condenações por crimes como tráfico de drogas, tráfico internacional de drogas, explosão de caixas eletrônicos, roubo e porte de arma. Uma força-tarefa foi formada, envolvendo não apenas a Polícia Militar, mas também a Polícia Civil, o sistema penal, Polícia Rodoviária Federal, Tribunal de Justiça e Ministério Público, todos colaborando na operação.

O tenente-coronel Flávio Coutinho esclarece que a operação não foi deflagrada apenas em resposta à morte do sargento Roger Dias da Cunha, mas sim como parte de uma campanha permanente, intensificada durante o final e início de ano para acompanhar casos de detentos que não retornam às prisões após benefícios temporários. A operação e o monitoramento permanecem contínuos, sem prazo determinado, com o objetivo de capturar os 48 detentos restantes que estão foragidos.

O militar compartilha detalhes sobre a ficha criminal de Webert Souza Fernandes, o assassino do sargento Roger, destacando que possui 18 crimes em sua ficha, incluindo dois homicídios, diversos indiciamentos por tráfico de drogas e roubos.

Tribuna Livre, com informações da PMMG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Senado vota nesta semana PEC que criminaliza porte de qualquer quantidade de droga
Senado vota nesta semana PEC que criminaliza porte de qualquer quantidade de droga
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.
Não queremos mulheres na política apenas por cotas, diz Michelle
Não queremos mulheres na política apenas por cotas, diz Michelle.
Pacheco auxilia candidatos do PT a prefeito em Minas e busca apoio para se tornar governador em 2026
Pacheco auxilia candidatos do PT a prefeito em Minas e busca apoio para se tornar governador em 2026
Acusado de chefiar organização criminosa, vereador nega senha de celular ao Gaeco
Acusado de chefiar organização criminosa, vereador nega senha de celular ao Gaeco
Quando polícia pode parar e revistar alguém na rua? O que decidiu o STF
Quando polícia pode parar e revistar alguém na rua? O que decidiu o STF
'Tenho absoluta convicção de sua inocência', diz Eduardo Cunha sobre Brazão
'Tenho absoluta convicção de sua inocência', diz Eduardo Cunha sobre Brazão
PT diz que Lira "compromete liturgia do cargo de presidente da Câmara"
PT diz que Lira "compromete liturgia do cargo de presidente da Câmara"
Dengue chega a 3 milhões de casos; mortes são 1
Dengue chega a 3 milhões de casos; mortes são 1.256
TCU fez alerta ao governo federal sobre saúde dos Yanomamis
TCU fez alerta ao governo federal sobre saúde dos Yanomamis
FAB intercepta avião clandestino em Rondônia
FAB intercepta avião clandestino em Rondônia
Dengue chega a 3 milhões de casos; mortes são 1
Dengue chega a 3 milhões de casos; mortes são 1.256

Ceilândia ganha mais uma tenda para pacientes com suspeita de dengue

A partir desta terça (16), estrutura de acolhimento irá atender diariamente, das 7h às 19h, ofertando triagem, consultórios, farmácias e sala de hidratação Ceilândia recebe, nesta terça-feira (16), mais uma tenda de acolhimento a pacientes com dengue. A estrutura, localizada no estacionamento do Hospital Regional de Ceilândia (HRC), realizará atendimentos

Leia mais...

Licitação do viaduto de acesso a Planaltina tem data marcada

Propostas serão entregues eletronicamente no dia 15 de julho; com investimento de R$ 65,6 milhões, obra viária vai beneficiar cerca de 90 mil motoristas, além dos ciclistas que trafegam pela região O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) publicou nesta segunda-feira (15), no Diário Oficial do Distrito

Leia mais...

Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.

Com mais desacertos do que acertos, as pessoas de bem procuram entender aonde Pacheco quer chegar. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, pressionado tanto por Senadores quanto deputados, se viu obrigado a se manifestar  uma continuada tendência do Supremo Tribunal Federal (STF) em usurpar as atribuições dos parlamentares. A Pressão

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.