16/06/2024

Em Outubro Rosa, o Distrito Federal aumenta em três vezes o número de exames de mamografia e consegue reduzir a fila de espera em 80%.

O Outubro Rosa promove a conscientização sobre a prevenção do câncer de mama | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília

Durante o Outubro Rosa, o Distrito Federal ampliou a realização de mamografias em três até vezes, resultando em uma redução de 80% na fila de espera para esse exame.

No ano de 2023, o Instituto Nacional de Câncer (Inca) prevê que o Brasil terá um registro de mais de 73 mil casos de câncer de mama, o que representa uma taxa de incidência de 41,89 casos por 100 mil mulheres. No Distrito Federal (DF), a estimativa é de 1.030 casos para o mesmo ano, equivalendo a uma taxa de 49,76 por 100 mil mulheres.

Com o objetivo de reduzir a incidência do câncer de mama na região, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) implementou um plano em maio deste ano para diminuir a fila de espera para mamografias. As estratégias adotadas produziram resultados significativos, resultando em uma redução de mais de 80% na fila de espera em apenas alguns meses.

No período de abril a junho, a capacidade mensal de realização de exames aumentou de 2.384 para 6.078. No início de setembro, a lista de espera para mamografias, que anteriormente contava com 14 mil mulheres, estava com 2.800 pacientes. A nova estratégia empregada pela SES-DF otimizou o uso dos 11 mamógrafos da rede de saúde, resultando em um tempo de espera para o exame de menos da metade do período anterior. Antes, as pacientes precisavam aguardar entre nove meses e um ano para serem chamadas, agora, no máximo, esperam por quatro meses.

O médico Flávio Lúcio Vasconcelos, Referência Técnica Distrital (RTD) de mastologia, enfatiza a importância da redução da fila de espera para garantir o acesso rápido das mulheres à mamografia, possibilitando a detecção precoce dos tumores, um direito legal das pacientes.

O diagnóstico precoce do câncer de mama é essencial, pois a chance de cura é superior a 90% quando a doença é detectada nos estágios iniciais. A campanha Outubro Rosa, realizada anualmente, reforça a importância de estar atenta a sinais, fazer regularmente o autoexame e buscar exames de rastreamento. Na rede pública de saúde do Distrito Federal, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estão à disposição para acessar esses serviços.

A mamografia é o exame mais eficaz na redução da mortalidade por câncer de mama, e a recomendação é que as mulheres a partir dos 50 anos o façam anualmente. Já as pacientes com risco aumentado de câncer de mama, devido ao histórico familiar da doença, devem iniciar o rastreamento mais cedo, aos 35 anos.

Na UBS, a paciente passa por avaliação e, se necessário, é encaminhada para a realização da mamografia na rede, por meio do sistema de regulação. Após obter o resultado do exame, ela deve retornar à UBS para que a equipe de saúde avalie a situação. Caso haja alguma alteração, a paciente é encaminhada para atendimento com mastologista, que pode solicitar outros exames, como a ultrassonografia mamária ou a biópsia. Se for identificado o câncer de mama, a paciente pode receber tratamento oncológico, incluindo radioterapia, quimioterapia e/ou cirurgia, nos locais especializados da rede pública.

No Distrito Federal, há 11 mamógrafos em diferentes hospitais da região, garantindo o acesso das pacientes a esses exames essenciais.

Um exemplo inspirador é o de Maria das Neves Pereira, que há 10 anos descobriu a presença de dois nódulos nos seios por meio de uma mamografia de rotina em 2013. A biópsia confirmou que um deles era maligno. Com a detecção precoce da doença, ela iniciou o tratamento na rede pública de saúde do DF, incluindo cirurgia, quimioterapia e radioterapia. Maria destaca a importância de as mulheres fazerem mamografias regularmente e não terem medo dos resultados, enfatizando que a detecção precoce aumenta significativamente as chances de sobrevivência.

Embora o câncer de mama não possa ser completamente prevenido, é possível reduzir os fatores de risco. Portanto, é fundamental que as mulheres façam a mamografia periodicamente, estejam atentas a quaisquer alterações nas mamas e mantenham hábitos de vida saudáveis.

Para conscientizar sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, o Governo do Distrito Federal (GDF) iniciou a iluminação do Palácio do Buriti em cor-de-rosa como parte da campanha Outubro Rosa, realizada anualmente.

Tribuna Livre, com informações da Sec. Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Em maior nomeação da história, Educação ganha o reforço de 3,4 mil servidores
Em maior nomeação da história, Educação ganha o reforço de 3,4 mil servidores
Divulgado processo seletivo para auxiliar que quiser atuar como técnico em saúde bucal
Divulgado processo seletivo para auxiliar que quiser atuar como técnico em saúde bucal 
Programa Cartão Material Escolar encerra 2024 com recorde de estudantes beneficiados
Programa Cartão Material Escolar encerra 2024 com recorde de estudantes beneficiados
GDF inicia execução de fundação do viaduto entre a Epig e o Parque da Cidade
GDF inicia execução de fundação do viaduto entre a Epig e o Parque da Cidade
Plano Piloto terá reforma em ponte no km 21,2
Epia sentido Gama/Plano Piloto terá reforma em ponte no km 21,2
Parque Educador leva educação ambiental para mais de 4 mil alunos da rede pública
Parque Educador leva educação ambiental para mais de 4 mil alunos da rede pública 
Estudantes visitam usina fotovoltaica no Parque Ecológico de Águas Claras
Estudantes visitam usina fotovoltaica no Parque Ecológico de Águas Claras
Parque da Cidade recebe campanha de doação de sangue nesta sexta (14)
Parque da Cidade recebe campanha de doação de sangue nesta sexta (14)
Novas contratações vão reduzir tempo de espera para hemodiálise
Novas contratações vão reduzir tempo de espera para hemodiálise
Campanha do Agasalho Solidário supera expectativa e arrecada mais de 8 mil itens
Campanha do Agasalho Solidário supera expectativa e arrecada mais de 8 mil itens
DF é a primeira unidade federativa a doar leite materno ao Rio Grande do Sul
DF é a primeira unidade federativa a doar leite materno ao Rio Grande do Sul
Mais de 30 tampas de concreto são instaladas em bocas de lobo no Plano Piloto
Mais de 30 tampas de concreto são instaladas em bocas de lobo no Plano Piloto

Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio

Defesa prepara um novo habeas corpus O Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) expediu na tarde desta sexta-feira (14), os mandados de prisão de Maurício Sampaio e policial militar reformado Ademá Figueiredo, condenados pelo assassinato do radialista Valério Luiz de Oliveira em 2012. O despacho foi assinado pelo juiz Lourival

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.