17/04/2024

Estudo mostra aumento na polarização entre Lula e Bolsonaro nas redes

O ex-presidente teve mais visibilidade em publicações relacionadas à manifestação realizada na Paulista, no último dia 25 de fevereiro, assim como nas postagens relacionadas à crise diplomática entre Brasil e Israel - (crédito: Miguel SCHINCARIOL/AFP)

Mesmo considerando as perdas, entre janeiro e março, Bolsonaro teve um acréscimo de 245 mil novos perfis em suas contas nas redes sociais, enquanto Lula perdeu 38,8 mil no mesmo período

Um levantamento apontou que a disputa entre apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o atual presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, aumentou nos últimos meses e tem chegado perto dos patamares do período eleitoral de 2022. A análise feita pelo Instituto Brasileiro para Regulação da Inteligência Artificial (Iria), em parceria com a plataforma de monitoramento virtual, Zeeng, considerou postagens e interações realizadas entre o início do ano e o dia 10 de março no Facebook, no Instagram e no YouTube.

“Nos últimos meses, observou-se um aumento significativo na polarização e um crescimento consistente na tensão política entre os grupos de esquerda e direita no Brasil. Eventos políticos e sociais têm alimentado essa divisão, sobretudo nas redes sociais, gerando debates acalorados e uma maior fragmentação da sociedade em termos ideológicos”, disse o estudo.

O estudo também analisou o chamado “ativo social”, que é a soma do número de seguidores nas três redes. Mesmo considerando as perdas no período, Bolsonaro teve um acréscimo de 245 mil novos perfis em suas contas, enquanto Lula perdeu 38,8 mil. O resultado reafirma a necessidade da preocupação do governo em melhorar sua comunicação, especialmente nas redes sociais.

Bolsonaro foi mais ativo nas redes durante o período, somando 66% do total de publicações entre os dois. Ao mesmo tempo, o ex-presidente alcançou maior engajamento, atingindo picos de 372 mil interações em postagens no Instagram, enquanto o máximo que Lula conseguiu foi de 56 mil interações na mesma rede.

O ex-presidente teve mais visibilidade, por exemplo, em publicações relacionadas à manifestação realizada na Avenida Paulista, em São Paulo, no último dia 25 de fevereiro — em defesa de Bolsonaro no inquérito que investiga uma possível articulação para um golpe de Estado —, assim como nas postagens relacionadas à crise diplomática entre Brasil e Israel.

O petista, por sua vez, tem focado em postagens que abordam agendas oficiais e momentos pessoais, como uma fotografia em que aparece tomando banho de mar na Restinga de Marambaia, no Rio de Janeiro.

Paraná

“Um fenômeno interessante observado durante a análise foi a polarização mais acentuada em determinadas regiões do país, com destaque para o estado do Paraná, onde a polarização política é mais acirrada do que em outros estados da Federação”, observou o estudo.

Para Marcelo Senise, cientista social e coordenador da pesquisa, uma polarização maior no Paraná poderia ser explicada por uma “disputa entre direita e esquerda pela possível vaga no Senado a ser aberta com a partir de eventual cassação do mandato de Sergio Moro (União Brasil)”. Moro é réu em ação, apresentada pelo PL e pelo PT, de abuso de poder econômico no período pré-eleitoral de 2022, que será julgada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) em abril.

“Diante desse contexto, fica evidente a necessidade de uma compreensão mais profunda das dinâmicas digitais e políticas para a construção de uma sociedade mais inclusiva e democrática. A polarização política não apenas influencia o debate público, mas também molda a percepção da realidade e afeta o processo decisório”, completou Senise.

Tribuna Livre, com informações do Instituto Brasileiro para Regulação da Inteligência Artificial (Iria)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Governo bate cabeça para fechar acordo sobre veto de Lula a emendas
Governo bate cabeça para fechar acordo sobre veto de Lula a emendas.
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.
Divergências na relação com o Planalto: Lira e Pacheco seguem caminhos distintos na disputa pela sucessão no Senado e na Câmara
Divergências na relação com o Planalto: Lira e Pacheco seguem caminhos distintos na disputa pela sucessão no Senado e na Câmara
Câmara deve revogar futuras prisões de deputados expedidas pelo STF
Câmara deve revogar futuras prisões de deputados expedidas pelo STF.
"Nós vamos chegar lá", diz Beto Simonetti ao ouvir "fora, Xandão"
"Nós vamos chegar lá", diz Beto Simonetti ao ouvir "fora, Xandão"
"Incompetente": Lira ataca Padilha e abre nova crise com governo
"Incompetente": Lira ataca Padilha e abre nova crise com governo
Musk diz que X recebeu questionamentos da Câmara dos EUA sobre ações no Brasil
Musk diz que X recebeu questionamentos da Câmara dos EUA sobre ações no Brasil
Senador discursa em inglês no plenário a favor de Elon Musk
Senador discursa em inglês no plenário a favor de Elon Musk.
Lula mantém "saidinha" para visita à família, com exceção de condenados por crimes hediondos
Lula mantém "saidinha" para visita à família, com exceção de condenados por crimes hediondos
Caso mobília do Alvorada: Bolsonaro e Michelle voltam a acionar Justiça por retratação de Lula
Caso mobília do Alvorada: Bolsonaro e Michelle voltam a acionar Justiça por retratação de Lula
Pesquisa Quaest mostra avaliação do governo Lula em SP, MG, Goiás e Paraná
Pesquisa Quaest mostra avaliação do governo Lula em SP, MG, Goiás e Paraná
Em vitória do STF e do governo, Câmara mantém Brazão na cadeia
Em vitória do STF e do governo, Câmara mantém Brazão na cadeia

Ceilândia ganha mais uma tenda para pacientes com suspeita de dengue

A partir desta terça (16), estrutura de acolhimento irá atender diariamente, das 7h às 19h, ofertando triagem, consultórios, farmácias e sala de hidratação Ceilândia recebe, nesta terça-feira (16), mais uma tenda de acolhimento a pacientes com dengue. A estrutura, localizada no estacionamento do Hospital Regional de Ceilândia (HRC), realizará atendimentos

Leia mais...

Licitação do viaduto de acesso a Planaltina tem data marcada

Propostas serão entregues eletronicamente no dia 15 de julho; com investimento de R$ 65,6 milhões, obra viária vai beneficiar cerca de 90 mil motoristas, além dos ciclistas que trafegam pela região O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) publicou nesta segunda-feira (15), no Diário Oficial do Distrito

Leia mais...

Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.

Com mais desacertos do que acertos, as pessoas de bem procuram entender aonde Pacheco quer chegar. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, pressionado tanto por Senadores quanto deputados, se viu obrigado a se manifestar  uma continuada tendência do Supremo Tribunal Federal (STF) em usurpar as atribuições dos parlamentares. A Pressão

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.