19/05/2024

GDF e Marinha assinam acordo para regularização de área em Santa Maria

“Nós sabemos que os projetos que a Marinha vai tocar nessa área são muito importantes para a geração de emprego, renda e desenvolvimento do DF, que é o que a gente vem buscando ao longo de todo esse período”, destacou o governador Ibaneis Rocha | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Titularidade da chamada Área Alfa, localizada próxima à BR-040, foi pacificada com acordo intermediado pela Terracap e União

O Governo do Distrito Federal (GDF) e a Marinha do Brasil assinaram, nesta quarta-feira (15), um Termo de Conciliação para regularizar uma área em Santa Maria ocupada pela instituição nacional. O acordo resolveu uma pendência de mais de 60 anos e foi costurado pela Agência de Desenvolvimento (Terracap) e União, por intermédio da Marinha do Brasil. A assinatura encerra o conflito referente a áreas ocupadas pela Marinha, uma vez que, embora houvesse acordo, ele não havia sido homologado de forma definitiva até hoje.

Embora a destinação da chamada Área Alfa à Marinha tenha sido aprovada ainda na década de 1960 em Assembleia Extraordinária da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), o assunto nunca havia sido pacificado. Em 2020, a Marinha do Brasil acionou a Terracap, por intermédio da Câmara de Mediação e de Conciliação da Administração Pública Federal, para resolver esse impasse, que chegou ao fim nesta quarta-feira (15).

“Tenho dito sempre que governar é enfrentar os problemas buscando as soluções. Esse é só mais um problema que nós damos solução e resolve certamente aquilo que a Marinha buscava e vai auxiliar muito as forças armadas. E vai nos ajudar também no desenvolvimento da cidade. Nós sabemos que os projetos que a Marinha vai tocar nessa área são muito importantes para a geração de emprego, renda e desenvolvimento do DF, que é o que a gente vem buscando ao longo de todo esse período”, afirmou o governador Ibaneis Rocha durante a assinatura do termo.

“A presença da Marinha na região de Santa Maria é muito importante para nós. Nós temos uma integração muito grande com a sociedade local. O futuro é promissor, com a regularização da área vamos desenvolver mais projetos”

José Vicente de Alvarenga Filho, vice-almirante e comandante do 7° Distrito Naval

Além do governador do Distrito Federal, participaram da assinatura o comandante do 7° Distrito Naval, vice-almirante José Vicente de Alvarenga Filho; o advogado-geral da União, Jorge Messias; o presidente da Terracap, Izídio Santos; e o desembargador do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios Josaphá Francisco dos Santos.

“O acordo que se chegou aqui entre Terracap e União é a possibilidade de a Marinha ter a propriedade dessas terras, e com isso poder empreender da melhor maneira. Ela já ocupa parte dessa área, mas não tinha propriedade, e com esse acordo agora essas terras são transferidas à União e a União as transfere para a Marinha”, explicou Izídio Santos.

‘É um entendimento que pacifica uma questão que é muito cara para a Marinha do Brasil. O governador colocou bem aqui um aspecto que é central. A partir do momento em que nós estamos fazendo a regularização fundiária naquela região, fruto deste acordo, deste entendimento, a Marinha terá mais tranquilidade, mais segurança para realizar novos investimentos que serão fundamentais para a cidade naquela região”, acrescentou o advogado-geral da União, Jorge Messias.

Histórico

A Marinha do Brasil narra que em 1960, um grupo de 120 marinheiros e fuzileiros se deslocou a pé do Rio de Janeiro até a nova capital, para, no dia 21 de abril, entregar ao presidente da época, Juscelino Kubitschek, uma mensagem do ministro da Marinha, o almirante Matoso Maia, de esperança e de fé nesse novo ciclo que se iniciava. O presidente JK cedeu então uma área de 85 quilômetros quadrados, correspondente às fazendas Saia Velha, Barreiro e Água Quente, para que a Marinha pudesse se estabelecer no Distrito Federal.

Após ter o assunto pacificado, a Marinha do Brasil agradeceu o empenho da União e do GDF e destacou projetos que devem ser desenvolvidos na região. “A presença da Marinha na região de Santa Maria é muito importante para nós. Nós temos uma integração muito grande com a sociedade local. Temos uma escola de ensino fundamental, onde cerca de 20% dos alunos são dependentes dos nossos militares, mas 80% são filhos da comunidade ali próxima. Temos uma Estação Rádio da Marinha também naquela área, que é modelo para o Brasil inteiro, ganhou prêmios várias vezes. O futuro é promissor, com a regularização da área vamos desenvolver mais projetos”, detalhou o comandante do 7° Distrito Naval, vice-almirante José Vicente de Alvarenga Filho.

Tribuna Livre, com informações do Governo do Distrito Federal (GDF)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
GDF Mais Perto do Cidadão leva serviços essenciais a Samambaia
GDF Mais Perto do Cidadão leva serviços essenciais a Samambaia
Milhares de fieis prestigiam Festa do Divino, em Planaltina
Milhares de fieis prestigiam Festa do Divino, em Planaltina
Investimento de R$ 18 milhões leva infraestrutura ao Setor Habitacional Bernardo Sayão
Investimento de R$ 18 milhões leva infraestrutura ao Setor Habitacional Bernardo Sayão
Wi-Fi Social ultrapassa os 150 milhões de acessos e chega a mais feiras e áreas rurais
Wi-Fi Social ultrapassa os 150 milhões de acessos e chega a mais feiras e áreas rurais
Escola Técnica de Santa Maria forma 169 alunos da primeira turma
Escola Técnica de Santa Maria forma 169 alunos da primeira turma.
Inscrições para concurso da Novacap podem ser feitas até segunda (20)
Inscrições para concurso da Novacap podem ser feitas até segunda (20)
Vacinação no fim de semana: gripe, meningite, covid-19, dengue e outras
Vacinação no fim de semana: gripe, meningite, covid-19, dengue e outras
Nova delegacia de polícia de Sobradinho II é inaugurada
Nova delegacia de polícia de Sobradinho II é inaugurada
Centro 18 de Maio garante atendimento especializado vítimas de abuso sexual infantojuvenil
Centro 18 de Maio garante atendimento especializado vítimas de abuso sexual infantojuvenil
Orçamento do DF para 2025 está previsto em R$ 63,6 bilhões
Orçamento do DF para 2025 está previsto em R$ 63,6 bilhões
Prazo para credenciamento de papelarias no Cartão Material Escolar termina domingo (19)
Prazo para credenciamento de papelarias no Cartão Material Escolar termina domingo (19)
É hora de tomar a segunda dose da vacina contra dengue
É hora de tomar a segunda dose da vacina contra dengue

Milhares de fieis prestigiam Festa do Divino, em Planaltina

Segunda maior celebração religiosa da região recebeu mais de R$ 1,2 milhão de investimento do GDF; festejos continuam neste domingo (19) Símbolo da fé brasiliense, a Festa do Divino Espírito Santo, em Planaltina, reuniu milhares de devotos neste sábado (18). O festejo começou logo cedo com a tradicional cavalgada –

Leia mais...

Escola Técnica de Santa Maria forma 169 alunos da primeira turma.

A deputada distrital Jaqueline Silva, emocionada, manifestou grande satisfação por mais essa conquista para a cidade. A deputada Jaqueline Silva declarou com emoção: “Não há palavras para expressar a minha satisfação em ver essa grande conquista beneficiando tantas pessoas.” Ela se referia à formatura de 169 alunos das primeiras turmas

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.