23/06/2024

Homem é preso por atropelar companheira após ser expulso de casa por traição, em Goiânia

 Mulher
foi atendida pelo Samu como indigente e levada ao Hugol


(Foto: Reprodução – Polícia Civil)

Um homem suspeito de atropelar a companheira com uma
moto, em Goiânia, após ela expulsar ele e a mãe dele de casa depois de
descobrir uma suposta traição, foi preso pela Polícia Civil nesta quinta-feira
(16). O caso aconteceu no último domingo (12), no Residencial Hugo de Moraes.

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam)
de Goiânia, que investiga a tentativa de feminicídio, pediu a prisão de dois
envolvidos: o parceiro e o irmão da vítima, também detido. O suspeito,
identificado como A.A.P. teria atropelado a vítima, J.S.G.M. – que é sua
companheira –, com a moto do irmão dela, M.D.S.G.M., que sabia das intenções do
suposto autor, e deverá responder por coparticipação, uma vez que emprestou o
veículo. O inquérito foi instaurado às 22h30 de terça-feira (14) e a Deam pediu
a prisão da dupla, bem como busca e apreensão em duas residências.

Segundo a Polícia Civil, eles são usuários de drogas e já
têm passagens por violência doméstica – o suspeito de autoria, inclusive, teria
torturado a companheira, na semana anterior, conforme a delegada responsável,
Azuen Magda Albarello. A vítima tem 18 anos. O suposto autor, 20. Durante a
prisão, ele negou o ato.

A vítima está hospitalizada em uma unidade de terapia
intensiva (UTI) do Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de
Siqueira (Hugol), com fraturas múltiplas nas pernas, maxilar fraturado, mãos
imobilizadas, além de escoriações e hematomas pelo rosto e corpo. A motocicleta
utilizada no crime foi apreendida.

No veículo, foram constatados, inicialmente, sinais de
atropelamento da vítima, como avarias. Ela ainda passará por perícia. Os dois
investigados estão presos, neste momento, na Deam Noroeste.

Mais informações

Ao Mais Goiás, a delegada da Deam Noroeste, Azuen Magda
Albarello, explicou que a vítima foi levada ao Hugol pelo Serviço de
Atendimento Móvel de Urgência (Samu) como indigente. De acordo com ela, a
suspeita é que o companheiro acionou o Samu de forma anônima após o ato, e a
mulher estava sem os documentos de identificação.

 “O autor pegou a
moto e disse que iria procurar a vítima para a família. Mais tarde ele retornou
e avisou que não encontrou. Depois, quando a família disse que acionaria a
polícia, ele afirmou que ela estaria no Hugol. Mas como ele saberia?”, indaga
retoricamente.

Azuen revelou que logo que soube do caso foi ao hospital.
A vítima não conseguia falar, mas ao descobrir que se tratava de uma delegada
se emocionou e elas conseguiram se comunicar por gestos. “Ela dizia sim e não.
Em 48 horas elucidamos o caso.”

Os dois suspeitos responderão por tentativa de
feminicídio. Um como autor e outro como coautor.

Interrogatório

A delegada Azuen informa que a companheira do irmão da
vítima, suspeito de coautoria, foi ouvida nesta tarde de quinta. A mulher
informou que ele é usuário de cocaína e quando utiliza a droga perde a noção da
realidade. Segundo ela, o homem teria emprestado a moto ao suposto autor sem
saber o que fazia.

Em relação aos suspeitos, eles serão interrogados ainda
nesta tarde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Minha casa minha vida (Tuca Melges - Estadão Conteúdo)
O Ministério das Cidades está preparando a aquisição de energia sustentável para os lares do programa Minha Casa, Minha Vida
SAUDE
Planos de saúde têm 900 queixas por dia; saiba o motivo
Vaca leiteira é preparada para exposição durante primeiro dia da Agroleite
Alto custo na criação de vacas causa prejuízo para produtores de leite
megasena
Uma aposta ganha prêmio de mais de R$ 40 milhões da Mega-Sena
Com justificativas vazias para aumentar cobranças, companhias aéreas veem reclamações explodirem
Com justificativas vazias para aumentar cobranças, companhias aéreas veem reclamações explodirem
Tebet: Precisamos achar recurso para pagar salário mínimo de R$ 1.421
Tebet: Precisamos achar recurso para pagar salário mínimo de R$ 1.421
Operação Guarujá
Presidente do TJ-SP suspende decisão que obriga todos os policiais da Operação Escudo a usar câmeras corporais
ECO
Banco do Brasil levanta quase US$ 1 bilhão para projetos ambientais
JUROS
BC volta a reduzir taxa de juros em 0,5 ponto percentual, para 12,75%
ECO
Shein cobre ICMS de compras de até US$ 50 a partir desta terça
BALANÇA
Exportações crescem 17,2% até a terceira semana de setembro, diz MDIC
DINHEIRO
Governo prevê recuperar R$ 46 bilhões em débitos da Dívida Ativa em 2024

Brasília sediará Congresso Internacional Cidades Lixo Zero

O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) se une a especialistas globais para promover práticas sustentáveis e políticas de lixo zero Entre 25 e 27 de junho, Brasília será o palco da terceira edição do Congresso Internacional Cidades Lixo Zero. O evento, que será realizado no Museu Nacional da República, conta

Leia mais...

Mais de 1,5 milhão de pessoas atendidas pelos programas sociais do GDF

Do Cartão Prato Cheio ao Cartão Gás, passando pela Política de Assistência Estudantil, benefícios geraram, desde 2019, investimento de R$ 1,9 bilhão, beneficiando famílias em situação de vulnerabilidade social e impulsionando a economia Investir em pessoas e no desenvolvimento delas é uma ação perene do Governo do Distrito Federal (GDF).

Leia mais...

STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS

Sessão virtual começou hoje e vai até 28 de junho. O Supremo Tribunal Federal (STF) (foto) retomou nesta sexta-feira (21), em Brasília, a discussão sobre o atendimento de pessoas transexuais no Sistema Único de Saúde (SUS).  A Corte julga em plenário virtual a liminar proferida em 2021 pelo ministro Gilmar

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.