22/02/2024

O tom mais incisivo do discurso de Lula sobre Israel causa tensão política no Brasil.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores (PT), está intensificando seus discursos em relação ao conflito armado entre Israel e o grupo extremista Hamas, na Palestina.

Lula tem criticado as ações tanto do Hamas quanto de Israel, rotulando ambos como atos de terrorismo.

As declarações de Lula, especialmente após a repatriação de brasileiros e seus familiares da Faixa de Gaza, introduzem na política interna parte da tensão do conflito no Oriente Médio.

Lula, que anteriormente condenou o Hamas por “ataques terroristas”, passou a criticar também as ações israelenses ao longo das seis semanas de guerra, embora tenha destacado que o país foi “provocado” pelos ataques de 7 de outubro, que visaram principalmente alvos civis e resultaram em 1,4 mil mortos.

“Já vi muita brutalidade, muita violência, mas nunca vi violência tão bruta contra inocentes. Se o Hamas fez um ato de terrorismo, fez o que fez, o Estado de Israel está cometendo vários atos de terrorismo”, afirmou o presidente ao receber um grupo de 32 repatriados em Brasília na segunda-feira (13/11).

As críticas contundentes de Lula contra Israel estão gerando reações de seus adversários políticos. O senador Rogério Marinho (PL-RN), líder da oposição no Senado, argumentou que ao equiparar Israel e Hamas, Lula mantém uma narrativa perigosa e distorcida, relativizando o terrorismo e ignorando a legítima defesa de Israel.

Deltan Dallagnol (Novo-PR), ex-deputado federal recentemente destituído do cargo, afirmou que Lula transformou a recepção dos brasileiros de Gaza em um discurso político absurdo contra Israel, adotando a narrativa e os números do Hamas e estabelecendo uma equivalência moral entre ambos.

O deputado federal Gustavo Gayer (PL-GO) também criticou Lula, afirmando que “hoje em dia tudo é nazismo para a esquerda, menos matar judeus”.

Lula tem enfatizado, ao falar sobre a guerra, sua preocupação com a vida dos civis, especialmente mulheres e crianças, pedindo paz e um cessar-fogo imediato. Ele destacou a atitude de Israel como equivalente ao terrorismo, ressaltando a necessidade de enfrentar o monstro sem prejudicar as crianças.

As comparações entre as ações militares de Israel e o Hamas foram criticadas pela Confederação Israelita do Brasil (Conib) como equivocadas e injustas, considerando as tentativas de Israel de poupar civis palestinos desde o início do conflito.

A Aliança Palestina Recife, um coletivo de ativistas de opiniões diversas, considerou um avanço Lula classificar as investidas de Israel como “atos terroristas”. O coletivo elogiou os esforços brasileiros na repatriação, mas defendeu o corte de relações do Brasil com Israel como medida ideal.

O aumento da tensão nas declarações de Lula pode ser atribuído, em parte, à urgência do governo em retirar brasileiros e seus familiares da Faixa de Gaza devido à crise humanitária. O Brasil conseguiu repatriar 1,4 mil pessoas e 53 animais de estimação durante o primeiro mês do conflito.

Além disso, a preocupação com a segurança dos brasileiros na Faixa de Gaza pode ter contribuído para o tom mais enfático de Lula. O encontro do ex-presidente Jair Bolsonaro com o embaixador de Israel no Brasil e parlamentares de oposição também gerou desconforto no governo Lula, pois foi visto como uma exposição de vídeos sobre o conflito armado, destacando a crueldade dos atos terroristas do Hamas, o que contrapõe a posição do presidente brasileiro.

Tribuna Livre, com informações da informações da Aliança Palestina Recife

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Controvérsia de Lula com Israel ameaça ofuscar plano do Brasil para o G20?
Controvérsia de Lula com Israel ameaça ofuscar plano do Brasil para o G20?
Após comentários de Lula sobre o Holocausto, a oposição pede impeachment e o governo se declara 'indignado' com Israel
Após comentários de Lula sobre o Holocausto, a oposição pede impeachment e o governo se declara 'indignado' com Israel.
Fala de Lula sobre Israel e o Holocausto é 'ignorante' e 'deve ser condenada': as reações na imprensa israelense
Fala de Lula sobre Israel e o Holocausto é 'ignorante' e 'deve ser condenada': as reações na imprensa israelense
'Putin matou meu marido', diz viúva do opositor russo Navalny
'Putin matou meu marido', diz viúva do opositor russo Navalny
Russos seguem fazendo manifestações em memória do opositor Navalny
Russos seguem fazendo manifestações em memória do opositor Navalny
Ministro israelense declara que Lula é persona non grata em Israel
Ministro israelense declara que Lula é persona non grata em Israel.
Netanyahu diz que terá "dura conversa de repreensão" com embaixador do Brasil
Netanyahu diz que terá "dura conversa de repreensão" com embaixador do Brasil
Alexei Navalny, um dos principais opositores de Putin, falece na prisão
Alexei Navalny, um dos principais opositores de Putin, falece na prisão.
Rússia emite mandados de busca e prisão contra líderes europeus; veja quem
Rússia emite mandados de busca e prisão contra líderes europeus; veja quem
Condenado à prisão perpétua homem envolvido na morte do presidente do Haiti
Condenado à prisão perpétua homem envolvido na morte do presidente do Haiti.
Na Venezuela, uma comitiva liderada por María Corina foi alvo de um ataque com paus e pedras
Na Venezuela, uma comitiva liderada por María Corina foi alvo de um ataque com paus e pedras.
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta sobre o ressurgimento global da dengue
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta sobre o ressurgimento global da dengue.

No Brasil, G20 inicia debates sobre aliança global contra a fome

O ministro do Desenvolvimento Social participou da abertura dos três dias de reuniões que discutirão o termo de adesão dos países ao projeto internacional O ministro Wellington Dias, do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, participou nesta quarta-feira (21/2) da primeira reunião da Força Tarefa do G20

Leia mais...

Saúde pública do DF terá o reforço de mais 741 profissionais

Contratação de 200 médicos temporários, 156 enfermeiros e demais profissionais foi anunciada pelo governador Ibaneis Rocha durante evento de combate à dengue no Sol Nascente/Pôr do Sol O Distrito Federal vai ganhar 741 profissionais da saúde para reforçar o quadro de atendimento à população. O anúncio foi feito pelo governador

Leia mais...

Volta às aulas conturbada no CEM 404 Santa Maria

Aluno armado com faca fere o sargento Daniel Matos Na manhã da terça-feira (20), por volta das 11 horas, os policiais do Batalhão Escolar, 1º Sgt Daniel Matos e o 2º Sgt Euzimar, foram solicitados pela diretora do CEM 404 Santa Maria para prestarem apoio, pois havia um aluno na

Leia mais...

Inscritos no programa de voluntariado da Codhab são convocados

Duzentas pessoas passarão por entrevista e análise curricular nos dias 28 e 29 de fevereiro A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) convocou, nesta quarta-feira (20), os inscritos no programa de voluntariado. Ao todo, 200 pessoas foram alistadas no processo seletivo. O Edital nº 77/2024 foi publicado no

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.