20/07/2024

Substituto de Dallagnol na Câmara é católico, professor e economista

Filiado ao Podemos do Paraná se apresenta como criador da modalidade Microempreendedor Individual (MEI)

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento virtual de sexta-feira 9, a vaga de Deltan Dallagnol na Câmara dos Deputados passará a pertencer a um católico, professor e economista. É dessa forma que Luiz Carlos Hauly (Podemos-PR) se apresenta nas redes sociais.

Diante a cassação do mandato de Dallagnol, Hauly voltará a exercer o cargo de deputado federal depois de cinco anos. Ele, que já cumpriu o mandato em sete oportunidades, ficou como suplente na eleição de 2018 — mesma condição que, na urna, alcançou na disputa eleitoral do ano passado.

Em 2022, Luiz Carlos Jorge Hauly recebeu menos de 12 mil. Mesmo assim, acabou o pleito como o segundo candidato do Podemos do Paraná que mais recebeu votos na briga pelas cadeiras na Câmara dos Deputados. Com a baixa votação, o que não o fez atingir o chamado mínimo do quociente eleitoral, a situação dele provocou imbróglio na Justiça Eleitoral.

Com a cassação do mandato de Dallagnol pelo Tribunal Superior Eleitoral, o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná entendeu, primeiramente, que Hauly não poderia ser diplomado, justamente pela questão do quociente eleitoral. A maioria do STF, contudo, determinou que isso não o impede de herdar a vaga do ex-procurador da Lava Jato.

Assim, aos 72 anos de idade, Hauly se prepara para adicionar ao currículo que vai exercer o mandato de deputado federal pela oitava vez na carreira como político. Antes, a saber, ele acabou eleito em:

•          1990;

•          1994;

•          1998;

•          2002;

•          2006;

•          2010; e

•          2014.

Antes de começar a se eleger de forma consecutiva para a Câmara dos Deputados, Luiz Carlos Hauly desempenhou outras funções no cenário público paranaense. Foi vereador de sua cidade natal, Cambé (PR), de 1973 a 1977. De 1983 a 1987 foi prefeito do mesmo município. Na sequência, de 1987 a 1990, ocupou pela primeira vez o cargo de secretário da Fazenda do Paraná. De janeiro de 2011 a outubro de 2013, ele se afastou da Câmara para, novamente, responder pela Secretaria da Fazenda do Estado.

Além de diferentes cargos, a trajetória política de Hauly teve movimentos no quesito filiação partidária. Durante 21 anos, de 1972 a 1993, ele pertenceu aos quadros do MDB/PMDB. Na sequência, passou pelo PP: 1993 a 1995. De 1995 a 2022, o católico, professor e economista foi um tucano; afinal, fez parte do PSDB no período.

Para a disputa das eleições do ano passado, ele se filiou ao Podemos. O partido resolveu abrigar, desde dezembro de 2021, o ex-procurador Deltan Dallagnol.

Por meio das redes sociais, Luiz Carlos Hauly, que se prepara para voltar à Câmara dos Deputados, se coloca como um dos responsáveis pela criação de duas ações em prol dos empreendedores do Brasil: o Simples Nacional e a modalidade Microempreendedor Individual (MEI).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
INTERNAC
Chanceler da Ucrânia comete gafe após reunião entre Zelensky e Lula
OITO DE JAN
8 de janeiro: veja quem são os próximos seis réus do julgamento no STF
FUTEBOL
Goleiro que marcou gol na Champions tem mística com número 94; entenda
Sete trabalhadores são intoxicados por gás em galpão de logística em Goiânia
Sete trabalhadores são intoxicados por gás em galpão de logística em Goiânia
Janja apaga post com dança após críticas por ausência de Lula no RS
Janja apaga post com dança após críticas por ausência de Lula no RS
Mourão conversa com Novo após Republicanos entrar no governo Lula
Mourão conversa com Novo após Republicanos entrar no governo Lula
Polícia Federal aceita acordo de delação premiada de Mauro Cid
Polícia Federal aceita acordo de delação premiada de Mauro Cid
Rio Grande do Sul deve ser atingido novamente por temporais, com o avanço de nova frente fria
RS deve ser atingido novamente por temporais, com o avanço de nova frente fria
Decisão do STF não autoriza guardas municipais a abordar e revistar pessoas
Decisão do STF não autoriza guardas municipais a abordar e revistar pessoas
Com apoio da deputada distrital Jaqueline Silva: Mais de 700 luminárias de LED são instaladas em Santa Maria
Mais de 700 luminárias de LED são instaladas em Santa Maria
GDF vai ampliar mandato da Junta Comercial para quatro anos
GDF vai ampliar mandato da Junta Comercial para quatro anos 
Casa da Mulher Brasileira tem três unidades em construção no DF
Casa da Mulher Brasileira tem três unidades em construção no DF

Incêndio no sudeste da França deixa sete mortos

Entre as vítimas estão três crianças. A Polícia abriu investigação para apurar como as chamas começaram Sete pessoas morreram durante a noite em um incêndio, aparentemente de origem criminosa, em um edifício de Nice, anunciou o promotor da cidade do sudeste da França, Damien Martinelli. “Com base nos primeiros indícios,

Leia mais...

Bolsonaro diz que Ramagem “está pagando preço alto” pela coragem 

Ex-presidente subiu em trio para apoiar pré-candidatura de Ramagem à Prefeitura do Rio de Janeiro. Eles são alvo de investigação sobre espionagem ilegal na Abin durante o governo bolsonarista  O ex-presidente Jair Bolsonaro exaltou o deputado federal Alexandre Ramagem (PL-RJ), ex-diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), nesta quinta-feira (18/7),

Leia mais...

Comitiva do governo federal vai até regiões de conflitos indígenas no MS

Indígenas relataram que foram cercados por caminhonetes e atacados com disparos de armas de fogo Integrantes da comitiva enviada pelo governo federal na terça-feira (17/7), acompanhados por representantes do governo do Mato Grosso do Sul, visitaram duas localidades para mediar conflitos fundiários nesta quinta-feira. Indígenas visitados disseram que foram atacados

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.