22/04/2024

Suspeito de praticar abuso sexual em série em Goiânia usava carros de parentes nos crimes

Suspeito de praticar crimes usando carro de terceiros (Foto: Reprodução)

Alguns destes carros, segundo apurou a Policia Civil, pertenciam a parentes, ou amigos do suspeito

Além do material analisado no banco genético, que confirmou ser Maurício de Oliveira, de 53 anos, o autor de seis estupros praticados na Grande Goiânia desde 2015, imagens dos veículos que ele usava nas abordagens também ajudaram a Polícia Civil a identifica-lo. Alguns destes carros, segundo apurou a Policia Civil, pertenciam a parentes, ou amigos do suspeito.

O veículo modelo VW Fox localizado na casa de Maurício, e que pertence a um filho dele, foi rescrito por duas vítimas, uma delas atacada no final do ano passado, e outra no último dia 16 de março. Foi após o depoimento desta vítima mais recente, que tem 24 anos, e que foi rendida no Setor Progresso, em Goiânia, que os agentes da Delegacia Estadual Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), chegaram ao carro, e à identificação do suspeito.

Segundo a delegada responsável pelas investigações, Amanda Menuci, além do carro do filho, Maurício usou outros veículos, que pegou emprestado com amigos, para abordar as vítimas. Algumas das mulheres atacadas por ele contaram terem sido ameaçadas com uma faca, e outras disseram ter sido dopadas com algum produto químico, colocado em um pano, e que as teria deixado sonolentas. Segundo a delegada, após praticar os estupros, o suspeito abandonava as vítimas em pontos diferentes, de onde as havia abordado.

Primeira denúncia

De acordo com a Policia Civil, a primeira ocorrência registrada contra Maurício de Oliveira foi registrada em 2015, em Trindade. No dia 1º de janeiro daquele ano, ele teria feito uma vítima de 22 anos.

Posteriormente, ele foi denunciado por atacar uma mulher de 34 anos, em 20 de fevereiro de 2018, na GO 060, no perímetro urbano da capital. Em 2020, outra vítima de estupro, de 56 anos, abordada no Jardim Curitiba, em Goiânia, também descreveu o autor como tento as mesmas características de Maurício de Oliveira.

Uma mulher de 22 anos, abordada no Setor Andréia em dois de julho, e outra de 56 anos, rendida na noite de quatro de maio de 2023, no Setor Nova Esperança, também reconheceram Maurício.

As outras vítimas dele, segundo a Deam, são uma mulher de 24 anos, abordada em 12 de dezembro do ano passado, no Setor Progresso, e outra, de 55 anos, estuprada no Setor Real Conquista, no último dia 16 de março. Das oito denúncias formalizadas contra ele, seis foram confirmadas após análises e confronto de material genético realizado pela Polícia Técnico Científica. Duas ainda estão sendo analisadas, mas as vítimas já confirmaram Maurício como autor, após reconhece-lo, através de fotografias.

A Deam decidiu divulgar a identidade e imagem dele por acreditar que novas vítimas possam reconhece-lo, e denunciá-lo. Segundo a Polícia Civil, “A divulgação da imagem do preso foi procedida nos termos da Lei nº 13.869/2019 e da Portaria nº 547/2021 – PC, conforme despacho do(a) delegado(a) de polícia responsável pelo inquérito policial, de modo que a publicação de sua imagem possa auxiliar no surgimento de novas vítimas e testemunhas que façam seu reconhecimento, além de novas provas”.

Tribuna Livre, com informações da Polícia Civil do Estado de Goiás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Prazo para solicitar queima controlada em Goiás vai até 30 de junho
Prazo para solicitar queima controlada em Goiás vai até 30 de junho
Conselho recomenda uso de tornozeleira para agressores em caso de violência contra mulher
Conselho recomenda uso de tornozeleira para agressores em caso de violência contra mulher
Agronegócio em Goiás gera mais de um milhão de empregos em 2023
Agronegócio em Goiás gera mais de um milhão de empregos em 2023
Número de barragens cadastradas em Goiás chega a 38,6 mil no fim do prazo para regularização
Número de barragens cadastradas em Goiás chega a 38,6 mil no fim do prazo para regularização
Preso suspeito de usar dados de comerciantes da Feira Hippie, em Goiânia, para fraudes fiscais
Preso suspeito de usar dados de comerciantes da Feira Hippie, em Goiânia, para fraudes fiscais
Caso Valério Luiz: ministra reforma própria decisão e nega habeas corpus a Maurício Sampaio
Caso Valério Luiz: ministra reforma própria decisão e nega habeas corpus a Maurício Sampaio
Professores de pelo menos 18 universidades federais no Brasil entram em greve; UFG continua a funcionar
Professores de pelo menos 18 universidades federais no Brasil entram em greve; UFG continua a funcionar
PRF acredita que menino de 4 anos resgatado na BR-153 tinha acabado de fugir de casa
PRF acredita que menino de 4 anos resgatado na BR-153 tinha acabado de fugir de casa
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.
Tio da dupla Matheus e Kauan morre em acidente na GO-156; sertanejo lamenta
Tio da dupla Matheus e Kauan morre em acidente na GO-156; sertanejo lamenta
Moradores de cidades vizinhas reclamam das dificuldades para ir e vir do DF
Moradores de cidades vizinhas reclamam das dificuldades para ir e vir do DF
Goiás registra mais de 3 milhões de raios nos primeiros três meses do ano
Goiás registra mais de 3 milhões de raios nos primeiros três meses do ano 

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.