21/06/2024

Veja valores de reajustes de salários de servidores aprovados pelo Senado

A medida já foi aprovada pela Câmara e segue agora para sanção presidencial - (crédito: Jonas Pereira/Agência Senado)

Senado aprovou reajuste salarial a cargos do Executivo federal, como delegados da PF, policiais penais e rodoviários, além de servidores da ANM, da Funai e de TI

Cargos do serviço público federal terão reajustes salariais e reformulações nas carreiras, conforme propôs o Senado, no projeto de lei (PL) 1.213/2024, aprovado nesta quarta-feira (29/5). O texto, que disserta sobre cargos, estruturas funcionais das carreiras e regras para o desenvolvimento de servidores,  já foi aprovado pela Câmara e segue agora para sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

As reformulações que constam na proposta vão contemplar as carreiras de delegados das polícias Federal, Penal e Rodoviária, além de servidores da Agência Nacional de Mineração (ANM), da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) e funcionários públicos que atuam na área de tecnologia da informação. Confira como ficará o salário de cada cargo:

Policiais

Policiais penais receberão os maiores reajustes. De acordo com o texto, o reajuste desta categoria pode chegar até 77,15% no fim de carreira (R$ 20 mil em 2026). Essa aumento salarial será recebido na forma de subsídio. Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) terá reajuste de 27,48% no fim de carreira (R$ 23 mil em 2026) e o delegado da Polícia Federal, 27,48% (R$ 41,35 mil em 2026).

Para que possa se enquadrar no recebimento dos novos valores, os agentes públicos precisam cumprir requisitos como tempo de serviço, entre outros dispostos em lei.

Agentes de Mineração

De acordo com o projeto aprovado pelo Senado na quarta, funcionários da Agência Nacional de Mineração (ANM) terão remuneração igual aos salários de outras agências reguladoras ao longo de três anos (2024 a 2026). Na função de especialista em recursos minerais (nível superior), por exemplo, o salário máximo em 2023 de cerca de R$ 18 mil passa a ser de R$ 20,4 mil em 2024 e chega a R$ 22,9 mil em 2026.

Já os de técnico em atividades de mineração (nível intermediário), analista administrativo e técnico administrativo também terão reajuste. O Senado também aceitou mudança para equiparar o mandato dos dirigentes da ANM aos das demais agências reguladoras, passando de quatro anos com recondução para cinco anos sem recondução.

Funai

O texto também propõe reestruturação das carreiras da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai). Os servidores dos cargos de especialista da Funai e outros de nível superior passam a ganhar no máximo, no fim da carreira, cerca de R$ 13 mil em 2024; R$ 15 mil em 2025; e R$ 17 mil em 2026.

Tecnologia da Informação

Outro cargo que passará a receber na forma de subsídio a partir de 2024 é o de analista em tecnologia da informação (TI), que contará com carreira de igual nome. Segundo o projeto, no último estágio da carreira, o salário será de R$ 18.1 mil a partir de 2024 e de R$ 21,6 mil a partir de 2026.

Tribuna Livre, com informações da Agência Senado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Efraim se licencia, e Professora Dorinha vira líder do União no Senado
Efraim se licencia, e Professora Dorinha vira líder do União no Senado
Barroso recebe ligação da CNBB e diz: “Não estamos legalizando droga”
Barroso recebe ligação da CNBB e diz: “Não estamos legalizando droga”
CFM defende no STF proibição da assistolia fetal em casos de estupro
CFM defende no STF proibição da assistolia fetal em casos de estupro
Petista mostra a língua durante discurso de bolsonarista na Câmara
Petista mostra a língua durante discurso de bolsonarista na Câmara
Congresso prepara pacote contra a impunidade; conheça as propostas
Congresso prepara pacote contra a impunidade; conheça as propostas
Ciro diz a Nunes que PP aceita vice indicado por Bolsonaro e Tarcísio
Ciro diz a Nunes que PP aceita vice indicado por Bolsonaro e Tarcísio
OAB envia a Lira parecer contra PL do Aborto: “Cruel e grosseiro”
OAB envia a Lira parecer contra PL do Aborto: “Cruel e grosseiro”
Com 88% contra, enquete oficial sobre PL Antiaborto alcança 1 milhão de votos
Com 88% contra, enquete oficial sobre PL Antiaborto alcança 1 milhão de votos
Presidente do partido Solidariedade se entrega à Polícia Federal
Presidente do partido Solidariedade se entrega à Polícia Federal
Autor de "PL antiaborto" vai propor aumento da pena de estupro para 30 anos
Autor de "PL antiaborto" vai propor aumento da pena de estupro para 30 anos
Câmara aprova projeto que pode suspender mandato de deputado brigão
Câmara aprova projeto que pode suspender mandato de deputado brigão
Nome de Eurípedes é incluído na lista vermelha da Interpol
Nome de Eurípedes é incluído na lista vermelha da Interpol

Por que Vietnã desafia os EUA para receber Putin

A viagem de Putin ao Vietnã está sendo interpretada como uma demonstração do apoio que a Rússia ainda possui na região. Os líderes do Vietnã e da Rússia disseram nesta quinta-feira (20/6) que querem reforçar os laços entre os países em uma reunião na capital vietnamita, Hanói. O presidente do

Leia mais...

Marcos do Val e Gilvan da Federal batem boca em aeroporto

Episódio ocorre logo depois que os políticos protagonizaram uma discussão na CCJ do Senado Federal O senador Marcos do Val (Podemos-ES) e o deputado Gilvan da Federal (PL-ES) discutiram, na manhã desta quinta-feira (20/6), no Aeroporto de Vitória Eurico de Aguiar Salles, no Espírito Santo. A relação entre os parlamentares

Leia mais...

Chrystian receberia transplante de rim da esposa no final do ano

Chrystian sofria de uma condição genética chamada rim policístico O cantor Chrystian, que faleceu aos 67 anos na última quarta-feira (19), estava se preparando para um transplante de rim no final deste ano, com sua esposa Key Vieira sendo a doadora. Chrystian sofria de uma condição genética chamada rim policístico,

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.