23/06/2024

Volkswagen troca suspensão de contratos por férias coletivas

 Montadora recuou do lay-off que estava previsto a partir de agosto

Em vez de suspender os contratos de trabalho optou por férias coletivas de dez dias para os dois turnos, composto por 3,1 mil funcionários, com início em 31 de julho.

Segundo a Volkswagen “as ferramentas de flexibilização estão previstas em acordo coletivo firmado pelo sindicato e colaboradores de Taubaté”. Na avaliação do sindicato este tipo de medida inibe qualquer tipo de demissão.

O acordo coletivo dos trabalhadores da fábrica de Taubaté prevê estabilidade nos empregos até 2025. Firmado em 2020 foi renovado no ano passado. Hoje Polo Track e o novo Polo são produzidos ali, que deverá receber a montagem de um novo SUV compacto a partir de 2025.

Em São José dos Pinhais, PR, onde é fabricado o T-Cross, desde 5 de junho foi estabelecido lay-off de dois a cinco meses para um turno de produção. Segundo a Volkswagen a unidade Anchieta, em São Bernardo do Campo, SP, em que são produzidos Polo, Nivus, Virtus e Saveiro, e a de São Carlos, SP, de onde saem os motores, estão operando normalmente.

Cenário de juros altos e queda na demanda

Conforme o sindicato o cenário composto por juros a 13,75% ao ano encarece os financiamentos em um mercado em que a maioria das vendas é feita de forma parcelada. Com isto às montadoras não resta alternativa senão promover série de paralisações nas linhas de montagem para adequar os estoques à demanda.

Este ano a empresa já havia protocolado um pedido de layoff em Taubaté, previsto para junho, inicialmente, e depois para julho. Com o programa de descontos do governo federal de R$ 2 mil a R$ 8 mil para modelos de até R$ 120 mil decidiu recuar do layoff.

Só que com a manutenção da Selic na última reunião do Copom de 26 de junho a 3 de julho os trabalhadores ficaram fora da produção por meio de shutdown e dayoff, retornando em 4 de julho, ao mesmo tempo em que o layoff de agosto estava marcado.

Para o presidente do Sindmetau, Cláudio Batista, o Claudião, enquanto os juros continuarem altos todo o setor ainda estará sujeito a paradas temporárias: “Os indicadores da economia já permitem uma redução na taxa de juros, mas o presidente do Banco Central parece disposto a sabotar os empregos no Brasil”.

Em julho comissão de metalúrgicos apresentou pedido de impeachment do presidente do Banco Central. A próxima reunião do Copom será em 1º e 2 de agosto.

– O aumento na demanda pelo Volkswagen Polo fez com que a empresa voltasse atrás na medida anunciada anteriormente, de que concederia layoff a oitocentos funcionários de Taubaté, SP, o equivalente a um turno de produção, pelo período de dois meses, a partir de 1º de agosto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Minha casa minha vida (Tuca Melges - Estadão Conteúdo)
O Ministério das Cidades está preparando a aquisição de energia sustentável para os lares do programa Minha Casa, Minha Vida
SAUDE
Planos de saúde têm 900 queixas por dia; saiba o motivo
Vaca leiteira é preparada para exposição durante primeiro dia da Agroleite
Alto custo na criação de vacas causa prejuízo para produtores de leite
megasena
Uma aposta ganha prêmio de mais de R$ 40 milhões da Mega-Sena
Com justificativas vazias para aumentar cobranças, companhias aéreas veem reclamações explodirem
Com justificativas vazias para aumentar cobranças, companhias aéreas veem reclamações explodirem
Tebet: Precisamos achar recurso para pagar salário mínimo de R$ 1.421
Tebet: Precisamos achar recurso para pagar salário mínimo de R$ 1.421
Operação Guarujá
Presidente do TJ-SP suspende decisão que obriga todos os policiais da Operação Escudo a usar câmeras corporais
ECO
Banco do Brasil levanta quase US$ 1 bilhão para projetos ambientais
JUROS
BC volta a reduzir taxa de juros em 0,5 ponto percentual, para 12,75%
ECO
Shein cobre ICMS de compras de até US$ 50 a partir desta terça
BALANÇA
Exportações crescem 17,2% até a terceira semana de setembro, diz MDIC
DINHEIRO
Governo prevê recuperar R$ 46 bilhões em débitos da Dívida Ativa em 2024

STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS

Sessão virtual começou hoje e vai até 28 de junho. O Supremo Tribunal Federal (STF) (foto) retomou nesta sexta-feira (21), em Brasília, a discussão sobre o atendimento de pessoas transexuais no Sistema Único de Saúde (SUS).  A Corte julga em plenário virtual a liminar proferida em 2021 pelo ministro Gilmar

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.