22/04/2024

Indivíduo opõe resistência à prisão e utiliza mulher grávida como “escudo” em Goiânia.

Homem faz grávida de escudo contra militares em Goiânia (Foto: Pxhere)

Conforme informações da Polícia Militar, o sujeito chegou a se sentar sobre a barriga da gestante.

Um indivíduo de 37 anos utilizou sua companheira grávida como escudo para resistir à prisão, após denúncia de violência doméstica no Bairro Vila Jaraguá, em Goiânia. Conforme relato da Polícia Militar, o homem chegou a arremessar uma televisão contra os agentes durante o incidente ocorrido no último domingo (24).

A vítima, em depoimento, relatou que ela e o companheiro teriam saído para beber na casa de um amigo durante a tarde. No entanto, ao retornarem para casa, o homem teria se tornado violento. A vítima precisou acionar os militares, alegando que o companheiro a ameaçou e lançou eletrodomésticos contra ela.

Ao chegar no local, a corporação constatou que o homem apresentava discurso incoerente e comportamento agressivo. Enquanto a mulher chorava e pedia socorro, os militares foram atacados com garrafas, vasos de plantas e uma televisão.

Segundo o registro da ocorrência, o indivíduo agarrou a grávida pelo pescoço, usando-a como escudo para evitar a prisão. Além de enforcá-la e empurrá-la contra os militares, o homem ainda sentou-se sobre a barriga dela. Após imobilizá-lo, o suspeito foi encaminhado à delegacia.

O homem foi autuado por ameaça, dano, resistência à abordagem e lesão corporal contra a mulher. No entanto, encontra-se em regime provisório, sendo liberado sob o uso de uma tornozeleira eletrônica. A identidade do suspeito não foi divulgada, impossibilitando a localização de sua defesa.

Tribuna Livre, com informações da PMGO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Prazo para solicitar queima controlada em Goiás vai até 30 de junho
Prazo para solicitar queima controlada em Goiás vai até 30 de junho
Conselho recomenda uso de tornozeleira para agressores em caso de violência contra mulher
Conselho recomenda uso de tornozeleira para agressores em caso de violência contra mulher
Agronegócio em Goiás gera mais de um milhão de empregos em 2023
Agronegócio em Goiás gera mais de um milhão de empregos em 2023
Número de barragens cadastradas em Goiás chega a 38,6 mil no fim do prazo para regularização
Número de barragens cadastradas em Goiás chega a 38,6 mil no fim do prazo para regularização
Preso suspeito de usar dados de comerciantes da Feira Hippie, em Goiânia, para fraudes fiscais
Preso suspeito de usar dados de comerciantes da Feira Hippie, em Goiânia, para fraudes fiscais
Caso Valério Luiz: ministra reforma própria decisão e nega habeas corpus a Maurício Sampaio
Caso Valério Luiz: ministra reforma própria decisão e nega habeas corpus a Maurício Sampaio
Professores de pelo menos 18 universidades federais no Brasil entram em greve; UFG continua a funcionar
Professores de pelo menos 18 universidades federais no Brasil entram em greve; UFG continua a funcionar
PRF acredita que menino de 4 anos resgatado na BR-153 tinha acabado de fugir de casa
PRF acredita que menino de 4 anos resgatado na BR-153 tinha acabado de fugir de casa
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões
Rodrigo Pacheco, seus acertos, omissões e intromissões.
Tio da dupla Matheus e Kauan morre em acidente na GO-156; sertanejo lamenta
Tio da dupla Matheus e Kauan morre em acidente na GO-156; sertanejo lamenta
Moradores de cidades vizinhas reclamam das dificuldades para ir e vir do DF
Moradores de cidades vizinhas reclamam das dificuldades para ir e vir do DF
Goiás registra mais de 3 milhões de raios nos primeiros três meses do ano
Goiás registra mais de 3 milhões de raios nos primeiros três meses do ano 

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.