19/06/2024

Pessoas que tentavam entrar nos EUA de forma ilegal pagavam R$ 100 mil para grupo de ‘coiotes’ goianos

Pessoas que tentavam entrar nos EUA de forma ilegal pagavam R$ 100 mil para grupo de ‘coiotes’ goianos (Foto: Polícia Federal)

Organização criminosa alvo da ação atua há 20 anos em solo goiano e prestava serviço para todo o Brasil

O grupo de coiotes desmantelado pela Polícia Federal (PF) em Goiás, em operação nesta quinta-feira (6), cobrava R$ 100 mil de cada pessoa que tentou entrar nos Estados Unidos. A informação é do delegado da PF, Charles Lemes.

Segundo a corporação, 448 pessoas tentaram ingressar de forma ilegal nos EUA por meio do grupo de coiotes baseado em Goiás, mas não conseguiram e foram deportadas. O valor cobrado para a travessia, como mencionado, é de U$ 20 mil (cerca de R$ 100 mil) por pessoa. Investigações apontam que tiveram pessoas que até desapareceram na travessia. Os números não foram precisados.

O delegado explica que os interessados em fazer a travessia ilegal procuravam os agenciadores. No caso, a organização criminosa alvo da ação, que atua há 20 anos em solo goiano e prestava serviço para todo o Brasil.

“Essas organizações criminosas contam com braços operacionais para fazer a lavagem do dinheiro. A PF, contudo, faz um rastreamento desse dinheiro e consegue descobrir terceiros envolvidos [laranjas] que atuam para confundir as investigações”, diz Charles.

O grupo de coiotes desmantelado pela Polícia Federal em Goiás movimentou quase R$ 60 milhões com entrada ilegal de pessoas nos Estados Unidos, entre 2018 e 2023. Nesta quinta (6), os agentes prenderam dois líderes do grupo – uma mulher e um homem -, mas um terceiro está foragido no México, com o nome incluído na lista de procurados da Interpol.

“As investigações apontam que ele estaria no México para levar as vítimas [para atravessar a fronteira do México com os Estados Unidos, de forma ilegal]”, afirma o delegado. Na ocasião, também foram cumpridos outros nove mandados de busca e apreensão em Goiânia e Anápolis.

A PF esclarece que o grupo também possui membros em outros Estados e, inclusive, no território dos Estados Unidos. Segundo a corporação, os investigados poderão responder pelos crimes de promoção de migração ilegal, lavagem de dinheiro e associação criminosa, cujas penas somadas podem ultrapassar 18 anos de reclusão. A investigação continua.

Tribuna Livre com informações da Polícia Federal (PF) em Goiás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
PF deflagra nova fase de operação contra ‘rota caipira’ do tráfico, que passa por Goiás
PF deflagra nova fase de operação contra ‘rota caipira’ do tráfico, que passa por Goiás
Homem pega carro após briga familiar, fura dois bloqueios da PRF em Goiás e é preso
Homem pega carro após briga familiar, fura dois bloqueios da PRF em Goiás e é preso
Caiado inaugura Hospital de Águas Lindas de Goiás e população já recebe atendimento
Caiado inaugura Hospital de Águas Lindas de Goiás e população já recebe atendimento
Carimbos encontrados com homem preso em Goiânia eram de psiquiatras e neurologistas
Carimbos encontrados com homem preso em Goiânia eram de psiquiatras e neurologistas
TJ-GO anula processo contra médico condenado por racismo após publicar vídeo de homem negro acorrentado
TJ-GO anula processo contra médico condenado por racismo após publicar vídeo de homem negro acorrentado
Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio
Justiça expede mandado de prisão contra Maurício Sampaio
Falso sequestro no setor Jaó: polícia prende um dos envolvidos
Falso sequestro no setor Jaó: polícia prende um dos envolvidos
Grupo Equatorial Energia prorroga campanha em parceria com a CUFA para arrecadar R$ 1 milhão para o RS
Grupo Equatorial Energia prorroga campanha em parceria com a CUFA para arrecadar R$ 1 milhão para o RS
Após 29 anos de espera começa a construção de hospital em Novo Gama
Após 29 anos de espera começa a construção de hospital em Novo Gama
Grupo que enganou locadoras, concessionária e compradores de veículos fez ao menos 12 vítimas
Grupo que enganou locadoras, concessionária e compradores de veículos fez ao menos 12 vítimas
Juíza dá sermão em motorista de Mercedes que matou vigilante: “agride a sociedade”
Juíza dá sermão em motorista de Mercedes que matou vigilante: “agride a sociedade”
Garota morta pelo namorado e jogada em cisterna teve seios cortados, diz polícia
Garota morta pelo namorado e jogada em cisterna teve seios cortados, diz polícia

Defesa Civil do RS divulga balanço após chuvas recentes

No total, entre sexta-feira e hoje (18/6), 22 municípios gaúchos reportaram danos em razão de alagamentos no estado Entre sexta-feira passada e hoje (18/6), 22 municípios gaúchos enfrentaram alagamentos, inundações e deslizamentos de terra, conforme relatório da Defesa Civil estadual. São Luiz Gonzaga foi uma das cidades mais afetadas, com

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.