23/06/2024

Ditadura cubana vende jovens para lutar pela Rússia na guerra contra a Ucrânia

Denúncia parte da ONG Fundação pelos Direitos Humanos em Cuba

A organização não governamental (ONG) Fundação pelos Direitos Humanos em Cuba fez uma denúncia na última semana. De acordo com a entidade, a ditadura cubana passou a vender jovens militares para atuar pela Rússia na guerra contra a Ucrânia.

A denúncia do envio de pessoas para o conflito no Leste Europeu partiu do diretor da ONG, Hugo Acha. Ele falou sobre o assunto em vídeo divulgado no Twitter na última terça-feira, 6. Pela rede social, a entidade definiu Cuba como “aliada transatlântica” de Moscou.

 “Com novas evidências apresentadas, fica claro que existe pessoal militar cubano operando dentro dos territórios ocupados na Ucrânia”, disse Acha. “Dezenas de milhares de jovens cubanos mortos, feridos, mutilados e desaparecidos são somente uma fonte de lucro para o regime”, prosseguiu o diretor da Fundação pelos Direitos Humanos em Cuba.

Na semana anterior, Acha também tinha falado sobre a participação da ditadura cubana em favor da Rússia na guerra. Pelas redes sociais, ele garantiu o que voltou a reforçar dias depois: há militares de Cuba atuando em parceria com as tropas comandadas pelo presidente russo, Vladimir Putin. Ele também citou apoio ao grupo paramilitar Wagner, que atua na região do Donbas — e que ajudou a região a autoproclamar de forma unilateral a independência da Ucrânia.

Ditadura cubana, Rússia e guerra

Oficialmente, a ditadura cubana declarou ser contra a adesão da Ucrânia à Organização do Tratado do Atlântico Norte. O território ucraniano foi invadido por tropas russas em fevereiro de 2022.

Na semana anterior, Acha também tinha falado sobre a participação da ditadura cubana em favor da Rússia na guerra.

Bandeira de Cuba | Foto: Pixabay

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Líder da máfia italiana, Matteo Denaro morre aos 61 anos
Líder da máfia italiana, Matteo Denaro morre aos 61 anos
Joe Biden;  Estados Unidos
Os Estados Unidos reconhecem as Ilhas Cook e Niue como nações independentes
ESP
As imagens falsas de crianças nuas geradas por Inteligência Artificial que chocaram cidade da Espanha
Xenotransprante: Médicos americanos realizam 2º transplante de coração de porco em humanos
Xenotransprante: Médicos americanos realizam 2º transplante de coração de porco em humanos
Crianças roubam carro da mãe após perderem acesso a dispositivos eletrônicos nos EUA
Crianças roubam carro da mãe após perderem acesso a dispositivos eletrônicos nos EUA
Greve dos roteiristas
Sindicato negocia ‘acordo final’ pelo fim da greve dos roteiristas em Hollywood
M1
Homem com doença terminal cardíaca recebe transplante de coração de porco
Agentes armados em região separatista
Separatistas de Nagorno-Karabakh entregam armas ao Azerbaijão e negociam retirada de tropas
CHILE
Golpe no Chile: Resolução de congressistas dos EUA pede desculpas
CAÇA
Militares dos EUA localizam caça que 'se camuflou' após piloto ejetar
EXTERIOR
Irã e EUA trocam prisioneiros após liberação de fundos iranianos
NO FUNDO DO MAR
O homem que sobreviveu por 60 horas em um barco afundado no fundo do mar

STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS

Sessão virtual começou hoje e vai até 28 de junho. O Supremo Tribunal Federal (STF) (foto) retomou nesta sexta-feira (21), em Brasília, a discussão sobre o atendimento de pessoas transexuais no Sistema Único de Saúde (SUS).  A Corte julga em plenário virtual a liminar proferida em 2021 pelo ministro Gilmar

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.