26/05/2024

Hospitais em Xangai ficam sobrecarregados por pacientes com covid

 A China enfrenta
uma onda pandêmica sem precedentes desde que suspendeu as medidas de sua
política de “covid zero” em dezembro


Agence
France-Presse

  

(crédito: Heitor RETAMAL/AFP)

Nos hospitais sobrecarregados de Xangai, pacientes idosos
com covid-19 – tossindo e com dificuldade para respirar — sobrecarregam os
serviços de emergência.

Três anos após o surgimento dos primeiros casos de
coronavírus em seu território, a China enfrenta uma onda pandêmica sem
precedentes desde que suspendeu as medidas de sua política de “covid
zero” no mês passado.

Essas restrições, que permitiram que a maioria dos
chineses não adoecesse por coronavírus desde 2020, provocaram crescente
frustração e causaram um duro golpe na economia.

Em Xangai, uma das cidades mais ricas da China, a
situação é especialmente crítica. Desde dezembro de 2022, aproximadamente 70%
da população, ou seja, cerca de 18 milhões de pessoas, contraiu o vírus segundo
a mídia oficial.

Em dois hospitais da megalópole, a AFP observou, nesta
terça-feira (3), centenas de pacientes, a maioria idosos, em macas em serviços
de emergência sobrecarregados.

Muitos recebem soro intravenoso, auxílio respiratório e
permanecem sob supervisão cardíaca. A maioria enrolada em cobertores, casacos
grossos e gorros de lã.

Outros recebem tratamento do lado de fora, na calçada,
por falta de espaço.

– Descompasso –

Em uma sala de espera no hospital Tongren, no oeste de
Xangai, uma enfermeira coloca cuidadosamente um canudo nos lábios secos de um
paciente. Ele está conectado a um cilindro de oxigênio.

Enquanto isso, um médico de jaleco branco e viseira cuida
de uma idosa que treme sob um cobertor grosso.

Diante do afluxo de doentes, os médicos infectados com
covid continuam a trabalhar incansavelmente, segundo testemunhos recolhidos
pela AFP em hospitais de todo o país.

Xangai não é exceção e, de tempos em tempos, funcionários
deixam escapar uma tosse seca.

As autoridades reconhecem que, neste momento, a magnitude
da epidemia é “impossível” de determinar, uma vez que os testes de detecção já
não são obrigatórios e os dados são fragmentados.

Em pouco tempo, o sistema de saúde ficou sobrecarregado.
As farmácias carecem de remédios para baixar a febre e os crematórios não
acompanham o afluxo de corpos.

A Comissão Nacional de Saúde (CNS), que tem caráter
ministerial, deixou de publicar números diários de casos e óbitos.

Atualmente, é o Centro Chinês de Controle e Prevenção de
Doenças (CDC) o responsável mas, a partir da próxima semana, só o fará uma vez
por mês.

As autoridades também revisaram os critérios
para atribuir mortes à covid. Desde o início de dezembro, apenas 15 óbitos relacionados
ao vírus foram registrados no país de 1,4 bilhão de habitantes. Números que
mostram um total descompasso com a realidade observada no local

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Líder da máfia italiana, Matteo Denaro morre aos 61 anos
Líder da máfia italiana, Matteo Denaro morre aos 61 anos
Joe Biden;  Estados Unidos
Os Estados Unidos reconhecem as Ilhas Cook e Niue como nações independentes
ESP
As imagens falsas de crianças nuas geradas por Inteligência Artificial que chocaram cidade da Espanha
Xenotransprante: Médicos americanos realizam 2º transplante de coração de porco em humanos
Xenotransprante: Médicos americanos realizam 2º transplante de coração de porco em humanos
Crianças roubam carro da mãe após perderem acesso a dispositivos eletrônicos nos EUA
Crianças roubam carro da mãe após perderem acesso a dispositivos eletrônicos nos EUA
Greve dos roteiristas
Sindicato negocia ‘acordo final’ pelo fim da greve dos roteiristas em Hollywood
M1
Homem com doença terminal cardíaca recebe transplante de coração de porco
Agentes armados em região separatista
Separatistas de Nagorno-Karabakh entregam armas ao Azerbaijão e negociam retirada de tropas
CHILE
Golpe no Chile: Resolução de congressistas dos EUA pede desculpas
CAÇA
Militares dos EUA localizam caça que 'se camuflou' após piloto ejetar
EXTERIOR
Irã e EUA trocam prisioneiros após liberação de fundos iranianos
NO FUNDO DO MAR
O homem que sobreviveu por 60 horas em um barco afundado no fundo do mar

DF amplia malha cicloviária e chega a 687 quilômetros de pistas

‌Desde 2019, foram construídos 220,52 km; capital tem a segundo maior conjunto de vias para ciclistas no país. GDF trabalha para interligar trechos e aumentar a mobilidade da população A malha cicloviária do Distrito Federal tem aumentado nos últimos anos. Atualmente, ela tem uma extensão de 687,12 km, distribuída em

Leia mais...

Marinhas do Brasil e dos EUA realizam operação em apoio ao RS

Operação tem como objetivo transferir doações para as vítimas das enchentes no estado de maneira mais ágil A Marinha do Brasil (MB) conduz, na próxima segunda-feira (27/5), uma operação de apoio à população do Rio Grande do Sul em meio à situação de calamidade pública causada pelas enchentes. A ação

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.