28/02/2024

Gleisi Hoffmann defende afastamento de ministro das Comunicações

 Afastamento de Juscelino Filho
impediria “constrangimento” do governo, diz Gleisi Hoffmann,
presidente do PT, em entrevista à coluna


A presidente do
PT, Gleisi Hoffmann, defendeu o afastamento do ministro das Comunicações,
Juscelino Filho, alvo de denúncias de irregularidades. Em entrevista à coluna
nesta quarta-feira (1º/3), na sede do PT, em Brasília, Hoffmann disse que um
pedido de afastamento do ministro para explicar as denúncias em que tem sido
envolvido impediria o “constrangimento” do governo.

Juscelino Filho
tem sido alvo de diversas denúncias que colocam em suspeita sua capacidade de
seguir no governo. No dia 2 de janeiro, a coluna revelou que o ministro
contratou a consultoria de uma ex-diretora do Tribunal de Justiça do Maranhão
que foi condenada por fraudar a folha de pagamento da Corte. Ainda no primeiro
mês do ano, o Estadão mostrou que Juscelino também usou o orçamento secreto
para asfaltar uma estrada que passa em frente à sua fazenda, em Vitorino Freire
(MA). Também foi revelado pelo jornal que o ministro voou de avião da FAB para
ir a um leilão de cavalos de raça. Nesta semana, o colunista Rodrigo Rangel, do
Metrópoles, mostrou que Juscelino pressionou uma estatal a contratar uma
empresa suspeita de irregularidades.

Juscelino Filho
é o herdeiro de um clã maranhense cujo chefe político é seu pai e padrinho na
política, o enrolado Juscelino Rezende, que controla politicamente a cidade de
Vitorino Freire, no interior. Conforme mostrou a coluna nesta semana, ele é réu
pelo assassinato de um agiota em Vitorino Freire, hoje governada pela irmã do
ministro, e também foi acusado de cinco crimes pela CPI do Narcotráfico da
Câmara.

“Acho que o
ministro devia pedir um afastamento para poder explicar, justificar, se for justificável
o que ele fez. Isso impede o constrangimento de parte a parte”, disse.

O ministro das
Comunicações, Juscelino Filho, foi indicado por Davi Alcolumbre, que se
apresentou em dezembro a Lula como um negociador chancelado pelo União Brasil
para decidir quem do partido iria para quais cargos no primeiro escalão.

Ainda sobre o
União Brasil, Hoffmann disse que não é possível ter qualquer conversa com o
senador Sergio Moro, senador pela sigla, mas disse entender que a sigla não vá
ter a adesão de todos os seus quadros — situação semelhante à de Deltan
Dallagnol, seu conterrâneo e colega na Câmara dos Deputados.

Juscelino Filho
não foi o único integrante alvo do escrutínio da presidente do PT. Nesta
quinta-feira, a primeira parte da entrevista à coluna mostrou sua sinalização
de paz para o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, que, segundo ela, está
correto ao buscar uma mediação entre a visão desenvolvimentista do PT e de Lula
e majoritariamente fiscalista do mercado. Enquadrou ainda o ministro de Minas e
Energia, Alexandre Silveira, por ter indicado ao Conselho de Administração da
Petrobras nomes do Centrão com uma visão também distante da defendida por Lula
na campanha. A deputada também pediu que o presidente do Banco Central, Roberto
Campos Neto, saia do cargo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Ministro Barroso afirma que a alternância de poder é uma parte essencial da vida.
Ministro Barroso afirma que a alternância de poder é uma parte essencial da vida.
Lula busca sintonia com Lira para tocar acordos
Lula busca sintonia com Lira para tocar acordos
Decisão do STF contra réus do 8/1 é criticada por dupla punição e deve ser alvo de recursos
Decisão do STF contra réus do 8/1 é criticada por dupla punição e deve ser alvo de recursos
TCU pede informações ao governo sobre ações de combate a fraudes em compras internacionais
TCU pede informações ao governo sobre ações de combate a fraudes em compras internacionais
MARCO TEMPORAL
Marco temporal: a histórica vitória dos indígenas no Supremo
DINO
Lula é alertado sobre uma consequência negativa de indicar Dino ao STF
LULA
Lira alerta que governo deve ter cuidados com "excessos" da PF
LULA
Presidente Lula participa de jantar com empresários em Nova York
CONGRESSO
Candidaturas de mulheres e negros sob ataque em propostas no Congresso
voo
Lula vai para Cuba e Estados Unidos, e passa Presidência a Alckmin
RODRIGO
Senado vai apresentar PEC para criminalizar porte de drogas
XANDE
8/1: Defesa de acusado diz que julgamento é político; Moraes rebate

Faço da prioridade da população a minha prioridade.

Bem articulado com todos os Poderes de Novo Gama, dentre eles o Executivo,  com DF e demais município do Entorno, Renato Caldas mostra a que veio. Renato Caldas é reconhecido como um dos vereadores mais atuantes de Novo Gama. Sua dedicação e comprometimento com a comunidade são admiráveis, sempre buscando

Leia mais...

Combate à dengue é tema de quatro cursos online para servidores

Formações são indicadas para profissionais da educação e da saúde. As aulas são gratuitas e online, podendo ser assistidas a qualquer momento pelos participantes A Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs) oferece quatro cursos relacionados ao combate à dengue para servidores da saúde e da educação. As capacitações são

Leia mais...

DF ultrapassa um milhão de cadastros atualizados no SUS

Mais de 97% das atualizações do Recadastra SUS foram feitas presencialmente; com dados dos usuários mais confiáveis, a rede pública consegue otimizar a fila de espera por exames e consultas Sete meses após lançar a campanha Recadastra SUS, o Distrito Federal chegou a 1.054.928 cadastros atualizados no Sistema Único de

Leia mais...

Caesb disponibiliza serviço gratuito de autoleitura de hidrômetros

Todos os clientes da companhia podem aderir à iniciativa, especialmente aqueles que não conseguem receber leiturista em casa durante o dia Pensando no conforto e bem-estar dos brasilienses, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) disponibiliza o serviço de autoleitura, no qual o próprio usuário fornece a leitura

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.