19/05/2024

Mauro Vieira promete “reconduzir Brasil ao palco das relações internacionais”

 Ministro das
Relações Exteriores assumiu cargo em cerimônia no Itamaraty, nesta segunda
(2/1). Ele agradeceu a Celso Amorim, Lula e Dilma


O embaixador Mauro Viera assumiu o Ministério das
Relações Exteriores na noite desta segunda-feira (2/1), em cerimônia no Palácio
do Itamaraty. Durante o discurso, o chanceler desenhou a política externa dos
próximos anos, e defendeu que a principal tarefa será “reinserir o Brasil na
própria região e no mundo”.

“Minhas primeiras palavras são de gratidão ao presidente
de a República pela confiança em mim depositada para chefiar o Itamaraty e
executar a política externa que reconduzirá o Brasil ao grande palco das
relações internacionais”, iniciou o discurso.

Segundo o ministro, o país esteve distante da comunidade
internacional nos últimos anos em razão de uma “visão ideológica limitante” do
governo anterior.

“Estivemos alijados do cenário internacional nos últimos
anos por força de uma visão ideológica limitante. Com bom senso e muito
trabalho e dedicação, reconquistaremos nosso lugar”, afirmou.

Diante do cenário, a principal tarefa será retomar os
canais de diálogo bloqueados, processo que “vai requerer uso intenso da
capacidade diplomática e forte retomada da diplomacia presidencial”.

Protagonismo regional

Vieira também destacou que o cenário internacional impõe
desafios significativos em termos de política e economia mundial, mas ressaltou
que terá como prioridade os pilares da sustentabilidade ambiental e
socioeconômica. “A boa notícia é que, como tem dito o presidente Lula, o Brasil
está de volta”, frisou.

“Teremos que recompor relações bilaterais danificadas e
retomar o protagonismo construtivo em fóruns e organismos internacionais, onde
temos uma contribuição singular a oferecer”. Para tanto, ele citou o papel do
país na União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e o retorno à Comunidade dos
Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), deixada na gestão de Jair
Bolsonaro (PL), em 2020.

Além da atuação na América-Latina, o ministro sinalizou
que a diplomacia brasileira retomará posicionamentos estratégicos anteriores ao
governo Bolsonaro, como a aproximação de países africanos e do Oriente Médio,
bem como a retomada dos acordos entre o Mercosul e a União Europeia.

Mandato interrompido

O chanceler ocupou a pasta das Relações Exteriores
durante o governo Dilma Rousseff, entre 2015 e 2016. No discurso, Vieira citou
a sua passagem pelo governo petista e lembrou o impeachment de Dilma:

“Não é comum a que nos seja dada uma segunda oportunidade
de voltar a fazer algo que foi brusca e involuntariamente interrompido. Em maio
de 2016, deixei o cargo ao qual eu regresso em meio a um doloroso processo de
impeachment que fraturou o pais e deixou marcas profundas”, completou.

“Queria reiterar gratidão que devo a Dilma e lamento que
não tivemos a oportunidade de concluir na política externa as tarefas a que nos
havíamos proposto.”

Vieira chegou ao evento acompanhando do ex-chanceler,
Celso Amorim. Participaram do evento a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva;
e o senador Jean Paul Prates, indicado para a Petrobras. Também estavam
presentes a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, e o
ministro do STF, Ricardo Lewandowski, entre outras autoridades.

Quem é Mauro Vieira

Diplomata com mais de 50 anos de carreira, Vieira chefiou
a pasta durante o governo da também petista Dilma Rousseff, entre 2015 e 2016.
Ao longo da atuação diplomática, ocupou alguns dos principais postos do Brasil
no exterior, como a embaixada na Argentina, em Washington e a representação do
Brasil nas Nações Unidas, em Nova York.

Segundo interlocutores, o atual embaixador do Brasil na
Croácia criou um vínculo com Lula no período em que o petista foi preso, em
2018, após ser condenado pela Lava Jato. Isso fez com que o presidente eleito
escolhesse o ex-chanceler para assumir o cargo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Ministro Barroso afirma que a alternância de poder é uma parte essencial da vida.
Ministro Barroso afirma que a alternância de poder é uma parte essencial da vida.
Lula busca sintonia com Lira para tocar acordos
Lula busca sintonia com Lira para tocar acordos
Decisão do STF contra réus do 8/1 é criticada por dupla punição e deve ser alvo de recursos
Decisão do STF contra réus do 8/1 é criticada por dupla punição e deve ser alvo de recursos
TCU pede informações ao governo sobre ações de combate a fraudes em compras internacionais
TCU pede informações ao governo sobre ações de combate a fraudes em compras internacionais
MARCO TEMPORAL
Marco temporal: a histórica vitória dos indígenas no Supremo
DINO
Lula é alertado sobre uma consequência negativa de indicar Dino ao STF
LULA
Lira alerta que governo deve ter cuidados com "excessos" da PF
LULA
Presidente Lula participa de jantar com empresários em Nova York
CONGRESSO
Candidaturas de mulheres e negros sob ataque em propostas no Congresso
voo
Lula vai para Cuba e Estados Unidos, e passa Presidência a Alckmin
RODRIGO
Senado vai apresentar PEC para criminalizar porte de drogas
XANDE
8/1: Defesa de acusado diz que julgamento é político; Moraes rebate

Milhares de fieis prestigiam Festa do Divino, em Planaltina

Segunda maior celebração religiosa da região recebeu mais de R$ 1,2 milhão de investimento do GDF; festejos continuam neste domingo (19) Símbolo da fé brasiliense, a Festa do Divino Espírito Santo, em Planaltina, reuniu milhares de devotos neste sábado (18). O festejo começou logo cedo com a tradicional cavalgada –

Leia mais...

Escola Técnica de Santa Maria forma 169 alunos da primeira turma.

A deputada distrital Jaqueline Silva, emocionada, manifestou grande satisfação por mais essa conquista para a cidade. A deputada Jaqueline Silva declarou com emoção: “Não há palavras para expressar a minha satisfação em ver essa grande conquista beneficiando tantas pessoas.” Ela se referia à formatura de 169 alunos das primeiras turmas

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.