22/02/2024

Mulheres do MST fazem novas ocupações na Bahia, uma delas na Chapada Diamantina

 Ocupações fazem parte
do calendário de ações da Jornada de Luta das mulheres neste mês de março


As ocupações foram realizadas na madrugada deste domingo
(5) – MST/Divulgação

Cerca de 300 mulheres do Movimento dos Trabalhadores
Rurais Sem Terra (MST) ocuparam duas fazendas no estado da Bahia, na madrugada
deste domingo (05).

Uma destas ocupações ocorreu na região da Chapada
Diamantina, na Fazenda Rosarinho, no município Rafael Jambeiro. Segundo o
movimento, a propriedade tem mil hectares e estava há oito anos improdutiva,
sem cumprir a função social. A mobilização reuniu cerca de 100 mulheres, de
acordo com cálculos do próprio movimento.

Em outra frente, o MST ocupou as terras da Fazenda
Espinheiro, no município de Jeremoabo. De acordo com o movimento, a propriedade
estava abandonada e uma parte dela é devoluta, quando o território pertence ao
Estado e não tem uma atividade específica.

Segundo Lucineia Durães. da direção nacional do MST,
homens armados ameaçaram as famílias que estavam na ocupação em Jeremoabo, na
manhã deste domingo (6). Ela disse que eles não agrediram os militantes e que
anunciaram a retomada das áreas ocupadas.

“Os fazendeiros estão mobilizados para não aceitar e
empenhados para intensificar a formação de milícia contra o movimento”,
diz a dirigente, sobre a reação de latifundiários da região às atividades do
MST.

Aproximadamente 200 mulheres do movimento estiveram à
frente da ação. As ocupações fazem parte do calendário da Jornada de Luta das
Mulheres do MST, neste mês de março. Este ano, o tema é “O agronegócio
lucra com a fome e a violência, por terra e democracia, mulheres em
resistência”.

Entre as ações, estão previstas caminhadas em vias
públicas, plantio de árvores, atividades formativas, acampamentos pedagógicos e
distribuição de alimentos agroecológicos. Os principais dias da mobilização
serão 6, 7 e 8 de março.

“Nós, mulheres, somo afetadas primeiro pela fome. A
fome nos atinge de diversas maneiras. Intensifica a violência contra nossos
corpos. Portanto, para nós, a luta pela terra é importante pela emancipação
humana. Mulheres emancipadas reagem contra violência, contra o sistema que
produz os agressores, contra o machismo e contra o latifúndio que lucra com a
fome e com a violência contra nossos corpos”, explica a dirigente.

Ocupações em curso

Na madrugada do dia 1º de março, em Itaberaba, na Bahia,
cerca de 120 mulheres do MST ocuparam um latifúndio abandonado, a Fazenda Santa
Maria. De propriedade da família Baleeiro, a área já foi ocupada por famílias
camponesas entre 2015 e 2019 e foi palco de oito despejos – alguns violentos.

A ocupação feita por mulheres aconteceu dois dias depois
de outras feitas pelo movimento no estado da Bahia. A que teve maior
repercussão foi a tomada simultânea, com 1500 pessoas, de três áreas da empresa
Suzano Papel e Celulose S/A no extremo sul do estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7R contabilidade e assessoria empresarial Santa Maria Brasilia DF
Leia também
Copa do Brasil: ministérios fazem ação conjunta contra racismo no futebol
Copa do Brasil: ministérios fazem ação conjunta contra racismo no futebol
VACINA
Dengue: Butantan desenvolve vacina em dose única
MARCO TEMPORAL
Com 5 a 2 contra o Marco Temporal, STF retoma análise do tema na 5ª
MORAES
Moraes manda soltar 4 presos por suspeita de fraude em cartões
BAHIA
Sobe para 9 número de suspeitos mortos em operação policial na Bahia
PREFEITO CASTRADOR
Solidariedade expulsa prefeito que sugeriu castrar mulheres no RJ
rio
Prefeito de cidade no RJ sugere castrar mulheres para controlar nascimentos
BRASIL
Ministério cria GT para frear violência contra indígenas no Amazonas
LULA
Lula anuncia que prefeituras vão receber, no mínimo, repasses de 2022
NUNES
Nunes Marques vota para condenar réu do 8 de janeiro a 2 anos e seis meses de prisão
LULU
Lula dá posse a novos ministros em cerimônia fechada no Planalto
RS
Sobe para 47 número de mortos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

No Brasil, G20 inicia debates sobre aliança global contra a fome

O ministro do Desenvolvimento Social participou da abertura dos três dias de reuniões que discutirão o termo de adesão dos países ao projeto internacional O ministro Wellington Dias, do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, participou nesta quarta-feira (21/2) da primeira reunião da Força Tarefa do G20

Leia mais...

Saúde pública do DF terá o reforço de mais 741 profissionais

Contratação de 200 médicos temporários, 156 enfermeiros e demais profissionais foi anunciada pelo governador Ibaneis Rocha durante evento de combate à dengue no Sol Nascente/Pôr do Sol O Distrito Federal vai ganhar 741 profissionais da saúde para reforçar o quadro de atendimento à população. O anúncio foi feito pelo governador

Leia mais...

Volta às aulas conturbada no CEM 404 Santa Maria

Aluno armado com faca fere o sargento Daniel Matos Na manhã da terça-feira (20), por volta das 11 horas, os policiais do Batalhão Escolar, 1º Sgt Daniel Matos e o 2º Sgt Euzimar, foram solicitados pela diretora do CEM 404 Santa Maria para prestarem apoio, pois havia um aluno na

Leia mais...

Inscritos no programa de voluntariado da Codhab são convocados

Duzentas pessoas passarão por entrevista e análise curricular nos dias 28 e 29 de fevereiro A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) convocou, nesta quarta-feira (20), os inscritos no programa de voluntariado. Ao todo, 200 pessoas foram alistadas no processo seletivo. O Edital nº 77/2024 foi publicado no

Leia mais...

A sua privacidade é importante para o Tribuna Livre Brasil. Nossa política de privacidade visa garantir a transparência e segurança no tratamento de seus dados pessoais.